Category Archives: Centrais

O Nosso Tempo

Paz, refugiados e segurança global

Paz, refugiados e segurança global.

O Papa Francisco dedicou a homilia da noite de Natal, e a mensagem do Dia Mundial da Paz para 2018, ao tema candente dos refugiados e ao imperativo que constituiu para os cristãos o seu acolhimento.

Ao ler a mensagem do Santo Padre, tive a crescente noção de que o texto constitui um desafio salutar para as pessoas de coração aberto e generoso – mas um imenso “perigo”, uma tese de confronto, relativamente a todas outras.

Natal na Rota da Seda

Um gole de Porto no oásis

Um gole de Porto no oásis

Kashgar, cidade em fervilhante actividade há mais de dois mil anos, voltou a abrir as portas para o mundo há apenas três décadas e meia. À semelhança das congéneres Samarcanda e Bucara, imortalizou o seu nome forjando-o à Rota da Seda que, durante séculos, ligou comercialmente a China, a Índia e o Mediterrâneo. Toda a Kashgaria – o nome histórico da região situada a oeste da bacia de Tarim – fora também um importante ponto de passagem para sucessivos exércitos invasores. Depressão com o impressionante comprimento de mil e 500 quilómetros, o Tarim abrange a maior parte do extremo oeste da China, e consiste quase inteiramente num deserto hostil, pontilhado com oásis, conhecido como Taklamakan, “o deserto do não retorno”.

Nova Ordem Mundial

A Jogada Chinesa

A Jogada Chinesa.

Apesar de ser um Estado comunista, a China tem-se assumido nos últimos meses como uma grande defensora da ordem capitalista, liberal e globalizada implantada pelo Ocidente nas últimas décadas. Este aparente paradoxo resulta de outro: os Estados Unidos, que têm sido o país mais empenhado na criação e manutenção dessa ordem, parecem querer acabar com ela. Ou, pelo menos, afigura-se ser essa a vontade do seu Presidente.

No início de 2017, a pequena cidade suíça de Davos foi palco de um acontecimento inédito que parece indicar uma viragem estratégica na política e na economia mundiais.

A Liberdade – Uma paixão muito humana

A Liberdade – Uma paixão muito humana

A aspiração à liberdade, tão querida ao homem contemporâneo, contém em si algo de muito nobre e justo, pois o ser humano foi criado para dominar sobre a criação e não para ser escravo.

Daí haver em nós uma necessidade irreprimível de absoluto e de infinito que nos impele a fugir do sombrio, do fechado e confinado que nos limita, procurando uma maior largueza de movimentos, cada vez mais amplos e ilimitados.

Júlio Videira, empresário da Indústria Alimentar

JÚLIO VIDEIRA

Dim-sam com sabor a bacalhau.

A comemorar 32 anos de actividade a Sabalar, empresa do ramo alimentar fundada em 1985 por três portugueses retornados de Angola, está preparada para investir na China. Júlio Videira, filho de um dos fundadores, esteve ao longo destes últimos anos diversas vezes no território, onde deu a provar os seus petiscos em promoções nalguns dos restaurantes portugueses.

A Sabalar aposta em duas linhas de produtos. Os salgados, como os tradicionais bolinhos de bacalhau ou os rissóis de carne, peixe ou camarão, e «aquelas que resultaram das nossas viagens pelo mundo», como é o caso da chamuça.

São Francisco Xavier celebra-se no dia 3 de Dezembro

SÃO FRANCISCO XAVIER

O Grande Apóstolo do Oriente

Nas missões evangelizadoras, São Francisco Xavier foi o maior conquistador do Oriente, embora não fosse o primeiro. Recebera de Deus uma missão: preparar os caminhos asiáticos para o Senhor. Sem os portugueses a vida do Santo Jesuíta teria sido certamente diferente. A acção missionária de São Francisco Xavier subiu alto e abrangeu vastos horizontes, aproveitando a crista heroica da vaga que percorria o Sul da Ásia, desde a embocadura do Mar Vermelho às costas da China, no desbravamento do paganismo, pelos portugueses, ao longo das rotas marítimas e comerciais que se iam abrindo. De facto, Portugal foi quem o levou, carinhosamente, por todos os Oceanos.

Sabedoria Chinesa

Os princípios do Feng Shui

Os princípios do Feng Shui

Os princípios do Feng Shui derivam do clássico chinês I Ching – o Livro das Mutações, cuja autoria é atribuída à Fu Hsi. Os ensinamentos do Feng Shui estão contidos no livro Tao Te Ching, a base do Taoísmo, escrito entre os séculos VI e V a.C. pelo filósofo chinês Lao Tsé, onde se afirma que existe uma energia universal que cria e transforma todas as coisas e com a qual se deve estar em harmonia. As palavras Feng Shui significam, literalmente, Vento e Água. Juntas proporcionam o fluxo ideal dessa energia vital chamada Ch’i. Segundo a teoria chinesa das polaridades tudo tem o seu oposto e nem o Ch’i está livre dessa lei universal, pois o seu oposto é Sha, energia estagnada, geradora de discórdia e frustração. Para neutralizar Sha, dinamiza-se Ch’i e obtêm-se paz e harmonia.

Antigos Hábitos, Vestes Modernas

Vassalagem e hotelaria

Vassalagem e hotelaria

É em períodos de feitos-lusitanos-em-época-de-regência-estrasburgo-bruxelense, altura em que o português, por norma, embandeira em arco, que mais oportuno se afigura trazer à liça algumas reflexões sobre a nossa forma de ser e de estar no mundo, neste caso sobre a péssima e incorrigível tendência para o servilismo e a subserviência. Que reforça a incómoda impressão, como escrevia Miguel Esteves Cardoso numa excelente crónica publicada na imprensa e que respiguei de um dos seus livros, de que “é só em Portugal que o tratamento que se dá aos incompatriotas atinge o nível da água das malvas, dos descontos chorudos e dos paninhos quentes”.

Cem Anos de Revolução Russa

CEM ANOS DE REVOLUÇÃO RUSSA

O Comunismo ao Poder.

A 25 de Outubro de 1917, milhares de comunistas tomaram de assalto o Palácio de Inverno do czar, em Sampetersburgo, na Rússia. O acontecimento não marcou o fim da milenar monarquia russa, que já tinha acontecido oito meses antes, mas inaugurou uma experiência política radical que mudou o mundo.

Hoje, são poucos aqueles que se consideram comunistas – pelo menos quando se compara com o que acontecia até 1991, quando a União Soviética se desmoronou.

Rússia, o Mistério de Fátima

RÚSSIA, O MISTÉRIO DE FÁTIMA

As aparições de Fátima têm várias particularidades especiais, quando comparadas com as outras grandes manifestações espirituais. Entre esses elementos, nenhum é tão inexplicável como a referência à Rússia. Como se entende que a Rainha do Céu venha à Terra falar de um país em particular? Porque o faz na outra ponta do continente, separada por um abismo geográfico, político e cultural?

Nossa Senhora faz essa referência apenas em dois momentos das aparições. Primeiro, na grande visão de Julho, na parte do segredo inicialmente revelada.

Professor Daniel Baird Wallace, referência Mundial no Estudo e Crítica do Novo Testamento em Grego

PROFESSOR DANIEL BAIRD WALLACE

Os escribas nunca comprometeram a palavra de Deus.

O Novo Testamento contém 27 livros redigidos em Grego, que datam da segunda metade do século I d.C.: quatro Evangelhos, o livro dos Actos dos Apóstolos, treze Cartas de Paulo, a Carta aos Hebreus, sete Cartas denominadas católicas ou universais – por não terem destinatário determinado – e o livro do Apocalipse. O Novo Testamento dá cumprimento ao Antigo Testamento, superando-o, apresentando-se como testemunha de novos factos e novas palavras de Deus, com os actos e ensinamentos de Jesus na sua morte e ressurreição. Nestas circunstâncias foram surgindo diversos escritos, sendo que alguns dependeram de escritos anteriores.

Em Terras de Santa Maria da Feira

O tal do Europarque

O tal do Europarque

Nasci nas Caldas de São Jorge, uma das freguesias do concelho de Santa Maria da Feira. O tal do Europarque. Dos congressos, exposições, concertos e de uma Cimeira Europeia que aí se realizou num já remoto mês de Junho. A Santa Maria da Feira do certame de cinema luso-brasileiro (entretanto extinto), do festival de música do mundo “Sete Luas e Sete Sóis”, do festival de artistas de rua “Imaginarius” e da famosíssima Feira Medieval. Mas também a Santa Maria da Feira, concelho, onde muitas das pessoas não sabe bem qual a qualidade da água que consomem…

A razão de ser de tudo

Deus e Cientistas

Deus e Cientistas.

Na sociedade moderna existe actualmente uma opinião generalizada que afirma que o estudo das ciências naturais torna desnecessária a fé em Deus, que a Religião (sobretudo a Católica) se opõe à Ciência e que a Igreja Católica é uma instituição retrógrada que combateu ferozmente o progresso científico. Mas, será que esta opinião é verdadeira?

Antes de mais, convém perceber, de forma sumária, o que normalmente se entende por Ciência nos debates sobre a sua relação com a Religião.

Os Homens do Império Sombra – 2

Joaquim Magalhães de Castro/LUMEWORLD

Mercenários, casados e os religiosos

Esta semana continuamos a contar com o contributo do historiador Manuel Lobato, concentrando agora a nossa atenção nos portugueses que conseguiram criar, consolidar e gerir uma feitoria-fortaleza no Sirião, no sul do actual Myanmar, e sob os auspícios do rei do Arracão, senhor de uma região situada a norte, nas imediações do actual Bangladesh e que em finais do século XVI e inícios do século XVII constituía o mais poderoso monarca da região. A primeira questão que colocamos ao nosso entrevistado relaciona-se com a quantidade de pessoas que residiram nessa fortaleza.

O Nosso Tempo

Homens de paz – precisam-se!

Homens de paz – precisam-se!

O Secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, foi duplamente brilhante, quer na conferência de Imprensa de 13 de Setembro, preparatória, por assim dizer, da nova sessão da Assembleia Geral, prestes a iniciar-se, quer na sua apresentação sobre o estado do mundo, introdutória das muitas intervenções de chefes de Estado e de Governo ou seus representantes, no hemiciclo da AG.

Com um perfeito domínio de todos os dossiês, como se espera de alguém que ocupa função tão exigente, António Guterres alia saber, inteligência (do coração) e uma excelente capacidade de comunicação.