Category Archives: Todas as Categorias

Cismas, Reformas e Divisões na Igreja – LXX

O Movimento de Oxford

O Movimento de Oxford

Retorno à Igreja Católica, ou movimento de reforma da Igreja Anglicana e de renovação na Igreja Católica em Inglaterra? Muitas questões se levantam em redor a este movimento, que aproximou os anglicanos da Igreja Católica, em alguns casos mais do que seria de esperar. Mas acima de tudo, é talvez o primeiro marco de aproximação das duas Igrejas, chamemos assim, importante para cada uma delas, mas sem dúvida um influxo de vitalidade e de capacidade de atracção da Igreja Católica em tempos de dificuldades, laicização e de questão social fracturante. O designado “Movimento de Oxford” é uma corrente de pensadores anglicanos que se dispuseram a estudar as origens do Cristianismo e, em grande parte, se converteram à Igreja Católica no período de 1833 a 1845. Entre todos sobressai a figura de John Henry Newman (1801-1890), que, convertido em 1845, tornar-se-ia cardeal da Igreja Católica em 1879.

Bengala e o Reino do Dragão – 32

Punakha e o fácies ocidental do ministro

Punakha e o fácies ocidental do ministro

Fugido à perseguição religiosa no Tibete, no século XVII, o rei Ngawang Namgyel (esse o verdadeiro nome de Shabdrung Rinpoche, literalmente, “aquele a cujos pés todos se prostram”) teve o mérito de criar um país unificado e com identidade distinta a partir daquilo que era até então uma manta de retalhos de pequenos feudos em guerra.

O que pode ser designado como segunda fase do programa de Shabdrung para governar o Butão começaria com o período de construção dos mosteiros-fortalezas de que falávamos numa das últimas edições, iniciado em Simtokha em 1629 e concluído em Lingzhi e Gasa por volta de 1646.

Mundial de Futebol na Rússia

Papa fala em «oportunidade de encontro» entre culturas e religiões

Papa fala em «oportunidade de encontro» entre culturas e religiões

O Papa Francisco enviou, na passada quarta-feira, uma mensagem a todos os que vão participar no Mundial de Futebol da Rússia e aos adeptos, desejando que o campeonato seja uma «oportunidade de encontro» entre culturas e religiões.

«Que esta importante manifestação desportiva se possa tornar uma ocasião de encontro, de diálogo e de fraternidade entre culturas e religiões diferentes, favorecendo a solidariedade e a paz entre as nações», disse no final da audiência pública semanal que decorreu na Praça de São Pedro.

Conhecer as Leis de Macau

Pacto internacional sobre os direitos civis e políticos (I)

Pacto internacional sobre os direitos civis e políticos (I)

A Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou, em 16 de Dezembro de 1966, o Pacto Internacional sobre os Direitos Civis e Políticos (doravante denominado o “Pacto”) a fim de garantir os direitos civis e políticos de todos os indivíduos. No dia 16 de Dezembro do corrente ano, completar-se-ão 52 anos desde a data da aprovação deste Pacto.

O Pacto já se aplicava em Macau antes do retorno à pátria, e, após o retorno, nos termos do artigo 40.º da Lei Básica, as disposições do Pacto que sejam aplicáveis a Macau continuam a vigorar e são aplicadas mediante leis da Região Administrativa Especial de Macau.

Família e Fé

Exercer a autoridade

Exercer a autoridade

«– Uma senhora veio ao meu consultório com a sua filha de sete anos, que tinha uma irritação na garganta. Como a rapariga não abria a boca, fiz um sinal com a cabeça à senhora para que, com a sua autoridade materna, me facilitasse a minha missão médica.

“– Querida, o doutor necessita ver a tua garganta. Não te importas de abrir a boca? Depois da consulta, prometo comprar-te um gelado”.

Cartoon 15-06-18

Cartoon 15-06-18

Pobres procuram ajuda junto da Igreja

POBRES PROCURAM AJUDA JUNTO DA IGREJA

São Lourenço “conforta” mais de meia centena.

Como consequência do 1º Dia Mundial dos Pobres, assinalado em todo o mundo a 19 de Novembro de 2017, a distribuição diária de alimentos na igreja de São Lourenço dá esperança a cerca de setenta pessoas que passam por situações de necessidade. O Instituto de Acção Social reconhece que há pobreza em Macau, mas sustenta que os números estão a diminuir. No ano passado tratou cerca de nove mil casos.

A senhora Tong (nome fictício) está sentada em frente à igreja de São Lourenço.

Bispo de Macau deixa mensagem aos fiéis na Solenidade do Santíssimo Sacramento

«Numa cidade cheia de lojas e casinos também há espaço para Cristo»

«Numa cidade cheia de lojas e casinos também há espaço para Cristo».

Depois de no ano passado a diocese de Macau ter recuperado a tradição da Solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, este ano voltou a ter lugar no território, no passado dia 3 de Junho.

Em Macau, esta festa do calendário litúrgico deixou de constar na lista de feriados locais, pelo que em Portugal foi celebrada no dia 1 de Junho, como habitualmente, e na RAEM foi adiada para o primeiro Domingo do mês.

Missionários Filipinos identificam problemas dos Imigrantes

MISSIONÁRIOS FILIPINOS IDENTIFICAM PROBLEMAS DOS IMIGRANTES

Solidão, precariedade e baixos rendimentos.

Um grupo de padres e religiosas das Filipinas a viver em Macau reuniu-se, a 26 de Maio, no Centro Pastoral Católico, com o objectivo de trocar experiências e perceber quais as dificuldades por que passam as pessoas que servem no dia-a-dia.

Um dos desafios é saber como lidar com as situações ou problemas que afectam as várias comunidades de imigrantes no território, uma vez que não servem apenas filipinos, mas também vietnamitas, indonésios, timorenses e nepaleses, entre outros.

O Nosso Tempo

A Igreja num tempo que sangra

A Igreja num tempo que sangra.

Que civilização afinal nos deixaram? Ouço já a voz dos nossos filhos e netos, juízes que serão do modo como estamos a desrespeitar de forma insultuosa o futuro – o seu presente.

E nunca o futuro esteve tão ameaçado, por causas conjugadas que não nos cansamos de inventariar, mas para as quais não parecem existir respostas globais concertadas. Pela nossa voracidade colectiva, no abuso dos recursos naturais. Pela acumulação desvairada dos meios de destruição massiva, toda a gente invocando razões de segurança nacional, num mundo cada vez mais inseguro.

A História de Pedro Machado Miranda Malheiro – 1

O jovem resistente – 1

O jovem resistente.

Podemos considerar o Jardim Botânico, «o ambiente mais tropical que se pode arranjar em Lisboa», um verdadeiro museu, pois aí se cultivam, se mantêm e até se guardam espécimes, algumas em extinção, maioritariamente vindas dos espaços das antigas colónias obedecendo à uma política científica praticada em Portugal ao longo dos séculos XIX e XX através das ditas explorações científicas, quer no Brasil quer em determinadas regiões de África, explorações ainda hoje tão mal conhecidas, infelizmente. Para além das espécies botânicas presentes nesse espaço destinado a ser fruído pela população encontramos também animais; à solta, como convém.

Capa 08-06-18

Capa 08-06-18

Portugal

O mestre futebol

O mestre futebol

Durante todos estes meses que tenho estado em Portugal há um aspecto da cultura portuguesa que – sinceramente – continuo sem conseguir assimilar na sua plenitude.

A maioria dos portugueses dão uma importância desmedida ao futebol e o tempo que as televisões e rádios dedicam ao tema dá-me a volta à cabeça.

A recente “novela” em redor do clima que se vive na estrutura administrativa do Sporting Clube de Portugal assume níveis escabrosos na sociedade.

Paróquia de Santo António celebra Festa do Padroeiro

PARÓQUIA DE SANTO ANTÓNIO CELEBRA FESTA DO PADROEIRO

Quatro missas num só dia

A paróquia de Santo António celebra no Domingo, 10 de Junho, a festa do seu santo padroeiro, com quatro missas dominicais e uma procissão. A missa em Chinês é celebrada às 7 horas e 30, decorrendo uma segunda missa na mesma língua às 9 horas, e outra em Português às 11 horas.

A exposição do Santíssimo Sacramento está agendada para as 15 horas e 30, seguindo-se, pelas 16 horas e 45, a bênção do Santíssimo Sacramento, a missa nas línguas chinesa e portuguesa presidida por D. Stephen Lee, bispo de Macau, terminando a festividade com a procissão em honra de Santo António.

12º Arraial de São João no Bairro de São Lázaro

12º ARRAIAL DE SÃO JOÃO NO BAIRRO DE SÃO LÁZARO

Faça sol ou chuva… há festa!

«Faça sol ou faça chuva, vamos manter esta tradição!». Foi deste modo que Miguel de Senna Fernandes deu o mote para o Arraial de São João, a ter lugar entre 23 e 24 de Junho, no bairro de São Lázaro. O programa da 12ª edição foi apresentado, na passada terça-feira, nas instalações da Associação dos Macaenses (ADM).

«Estamos abertos às inscrições de todos os interessados em terem a sua barraquinha, desde que – e vamos ser um bocado mais firmes neste aspecto – os produtos sejam locais e confeccionados por quem pede para ter ali o seu espaço», salientou a presidente da Casa de Portugal, Maria Amélia António.