Category Archives: Destaque

Isabel Capeloa Gil, Reitora da Universidade Católica Portuguesa, sobre a aproximação entre a China e o Vaticano

Isabel Capeloa Gil

«Macau tem uma função diplomática importante».

Tomar o pulso às actividades da Universidade de São José, estreitar a cooperação com a Diocese local, as autoridades da RAEM e a Universidade de Macau, são os principais objectivos da visita ao território de Isabel Capeloa Gil. Ao abordar as relações sino-vaticanas com O CLARIM, a reitora da Universidade Católica Portuguesa atribui a Macau um importante papel diplomático.

O Patuá de Macau segundo o Linguista Carlos Figueiredo

Carlos Figueiredo

Influências de África e das Filipinas.

Há a ideia generalizada que o Patuá de Macau é influenciado pelo Português, Chinês, Malaio, Cingalês, Inglês, Tailandês, Japonês e por algumas línguas da Índia. Mas para Carlos Figueiredo, linguista e docente do Departamento de Português da Universidade de Macau, o crioulo do território também apresenta traços de línguas africanas e do Espanhol, via contactos comerciais com os colonizadores das Filipinas.

«É preciso entender que no século XVI, e seguintes, não eram só os portugueses que viajavam nas caravelas para a Índia Portuguesa, e daqui para outras paragens asiáticas.

Mensagem de Páscoa do Bispo de Macau

MENSAGEM DE PÁSCOA DO BISPO DE MACAU

Foi consumado. Agora tudo começa.

Caríssimos irmãos e irmãs em Cristo,

“Morrendo, Ele destruiu a morte, e ressurgindo, deu-nos a vida” (Prefácio I para a Páscoa). Quando Nosso Senhor disse na cruz: «Está consumado», na verdade Ele disse: «Agora tudo começa». Pela Sua ressurreição, a vida torna-se vida ressuscitada, vida redimida, vida abundante. Pela Sua ressurreição, Ele diz-nos que a finalidade da vida não é morte, mas vida, uma vida que triunfa sobre a morte para sempre.

Na ressurreição a vida começa de novo. Isto significa que olhemos a vida e tratemos a vida numa atitude pascal.

Carta do Prelado do Opus Dei

Recolhe a água de Cristo

Recolhe a água de Cristo

Queridíssimos: que Jesus me guarde as minhas filhas e os meus filhos!

Procuremos viver intensamente os próximos dias, de modo a podermos dizer sempre de novo com S. Paulo: mihi vivere Christus est! para mim, viver é Cristo! (cfr. Fl 1, 21). O Senhor não é apenas um exemplo para nós. Lembro-me de um comentário do Papa: “Sempre me chamou muito a atenção que o Papa Bento XVI dissesse que a fé não é uma teoria, uma filosofia, uma ideia: é um encontro. Um encontro com Jesus”. Para nós, viver é Cristo. E se às vezes, por debilidade, cansaço, ou por tantas circunstâncias da vida, perdemos de vista esta realidade, Ele está sempre à nossa espera e até “Se faz encontrar pelos que não O procuram” (S. Josemaría).

General Vasco Rocha Vieira, último Governador de Macau

General Vasco Rocha Vieira

«A Igreja Católica pertence à identidade de Macau».

De regresso ao território, onde teve a oportunidade de se encontrar com o bispo D. Stephen Lee, o último governador de Macau, general Vasco Rocha Vieira, mostrou-se impressionado com o novo campus da Universidade de São José. Em entrevista exclusiva a’O CLARIM, falou sobre o papel da China, da comunidade portuguesa e da Igreja Católica na RAEM.

Sociedade Católica da Associação de Estudantes da Universidade de Macau

Eunice Vong

Fé no meio académico.

Congregar os jovens num ideal comum é o principal objectivo da Sociedade Católica da Associação de Estudantes da Universidade de Macau, sublinha a presidente Eunice Vong, responsável pela reactivação do grupo, após vários anos de inactividade. Celebração de missas na UMAC, retiros espirituais e caminhadas em Coloane são algumas iniciativas em agenda.

A Sociedade Católica da Associação de Estudantes da Universidade de Macau (CATSO), reactivada em Agosto do ano passado, pretende congregar os jovens do meio académico no ideal de partilhar a vida estudantil com o lado espiritual.

Cineteatro de Macau abre a instituições e escolas católicas

CINETEATRO DE MACAU ABRE A INSTITUIÇÕES E ESCOLAS CATÓLICAS

Um novo centro de cultura.

O Cineteatro de Macau, para além da projecção de filmes, vai tornar-se num centro cultural dirigido para instituições e escolas de matriz católica.

Nesse sentido, «a sala número dois, agora em obras de restauro, por forma a passar de sala de cinema para um salão multifuncional, irá estar à disposição de organizações e escolas, sensivelmente a partir do início de Abril, para a realização de diferentes actividades, entre palestras, seminários, fóruns cinematográficos, mini-concertos e pequenas peças teatrais, com intuitos evangelizadores e educacionais», disse a’O CLARIM Francisco Lio, director do Centro Diocesano dos Meios de Comunicação Social.

Feira Cultural Internacional da USJ

FEIRA CULTURAL INTERNACIONAL DA USJ

Multiculturalidade na diferença

A Associação de Estudantes da Universidade de São José realiza hoje, no pátio da instituição de Ensino Superior no NAPE, a “Feira Cultural Internacional 2017” com o intuito de dar a conhecer e de sensibilizar os intervenientes, e público em geral, para os diferentes traços da multiculturalidade em Macau.

Sofia Lei Lei, de 21 anos, está entusiasmada com o certame. «Penso que é “fixe”, porque podemos interagir com pessoas de outras culturas e conhecer melhor vários lugares diferentes. Por isso, é bom», disse a’O CLARIM a residente local, natural de Madrid (Espanha), que está a fazer a licenciatura em Estudos Governamentais na USJ.

Carta aos Leitores

Campanha Quaresmal pelo Sudão do Sul

Campanha Quaresmal pelo Sudão do Sul

Cada ano, e através de “tempos especiais”, a Igreja recorda-nos que todos temos necessidade de renovação e conversão. A Quaresma é um destes tempos especiais que apela à conversão e à partilha como expressão visível da conversão interior… Na Mensagem Quaresmal deste ano, o Papa Francisco propõe que reflictamos na parábola do homem rico e do pobre Lázaro. E desafia-nos a que nos «deixemo-nos inspirar por esta página tão significativa, que nos dá a chave para compreender como agir para alcançarmos a verdadeira felicidade e a vida eterna».

Cardeal D. John Tong desagradado com candidata a Chefe do Executivo de Hong Kong

Carrie Lam

Carrie Lam pede desculpa.

A candidata a Chefe do Executivo da RAEHK Carrie Lam voltou atrás na intenção de criar a “Unidade de Assuntos Religiosos”, caso fosse eleita, após o cardeal D. John Tong, bispo da diocese de Hong Kong, expressar oposição à ideia através de um comunicado.

«O propósito inicial [da proposta] era somente o de apoiar as actividades e o desenvolvimento do sector religioso. Infelizmente, tal levou a um mal-entendido, especialmente por parte de algumas instituições religiosas que estavam preocupadas que isso significasse que o Governo tinha mudado a sua política sobre a liberdade religiosa», disse Carrie Lam num vídeo publicado no passado sábado na sua página do Facebook, conforme noticiava no dia seguinte a página electrónica do South China Morning Post.

Comissão Diocesana da Liturgia

COMISSÃO DIOCESANA DA LITURGIA

Fiéis portugueses com mais apoio

O director da Comissão Diocesana da Liturgia, padre Albert Ho, disse a’O CLARIM que o órgão que lidera está atento às necessidades dos fiéis, inclusivamente da comunidade portuguesa.

«Temos certas formas e canais para recolher opiniões. Em primeiro lugar, a Comissão instituiu os sacerdotes conselheiros, tais como o padre João Evangelista Lau, o padre Lau Chit Meng, o padre Tadeu Tang Si Yan, etc. Actualmente, esperamos que o comité prepare a agenda para se aconselhar com eles antes de qualquer reunião», referiu o padre Ho.

Coro da “Oratory School” actua na Sé Catedral

CORO DA “ORATORY SCHOOL” ACTUA NA SÉ CATEDRAL

D. João IV e outras músicas

O coro católico da “Oratory School”, de Oxfordshire (Inglaterra), vai actuar na Sé Catedral no dia 26 de Março, durante a missa em Português, com início às 11 horas.

Fazem parte do reportório, especialmente concebido para a missa na Sé, composições em Inglês de Matthew Martin, Stephen Borrows, director de música da “Oratory School”, e Heinrich Shultz, sendo em Latim as peças atribuídas ao Rei D. João IV de Portugal e a Cristobal de Morales.

Evangelização de rua nas Ruínas de São Paulo

Talentos, habilidades e vocações

Talentos, habilidades e vocações.

A Comissão Diocesana para as Vocações organizou, no passado sábado, uma acção de evangelização em frente às Ruínas de São Paulo, com o intuito de promover os valores católicos não só entre os jovens em idade escolar, como dá-los a conhecer aos residentes e turistas em geral.

O evento contou com a participação de mais de três centenas de alunos e professores de estabelecimentos do Ensino Não Superior, cinco jovens da paróquia de Santo António e cerca de trinta irmãs de diferentes congregações religiosas do território.

Cardeal D. Gaudencio Rosales esteve em Macau

D. Gaudencio Rosales

Filipinos no estrangeiro são os novos evangelizadores.

O antigo arcebispo de Manila, cardeal D. Gaudencio Rosales, esteve na passada segunda-feira em Macau, onde disse que «os Filipinos a viver no estrangeiro são agora os novos evangelizadores».

Nesse sentido, mostrou o desejo de que as pessoas não olhem apenas para eles em termos económicos: «Os filipinos levam a sua fé para onde quer que possam ir, seja para os Estados Unidos, Canadá, Hong Kong, China e Médio Oriente ou Europa», frisou, acrescentando que «é a contribuição das Filipinas para a Nova Evangelização que o Papa João Paulo II pediu».

Padre Luis Navarro, Reitor da Pontifícia Universidade da Santa Cruz, divulga cursos na RAEM

Padre Luis Navarro

Roma mais próxima de Macau.

O reitor da Pontifícia Universidade da Santa Cruz, padre Luis Navarro, esteve no passado sábado em Macau, onde divulgou os cursos daquela instituição de Ensino Superior com sede em Roma.

«O propósito da minha viagem foi promover a Universidade. Entrei em contacto com alguns bispos, com alguns ex-alunos, para ver a possibilidade de desenvolvermos a nossa cooperação ao nível da educação na Ásia, especialmente nos lugares referentes a esta minha viagem, que inclui Macau, Hong Kong e Coreia [do Sul]», disse o padre Navarro a’O CLARIM.