Category Archives: Destaque

Padre Mai Lio esperou 26 anos para entrar na China Continental

Sonho comanda a vida

Sonho comanda a vida.

Natural de Itália, o padre Mai Lio sentiu, ainda em criança, o desejo de ir para a China continental. «É talvez inacreditável, mas comecei a sonhar com isso aos nove anos de idade. Porquê? Havia um santuário próximo da povoação onde vivia. Caminhávamos cinco quilómetros até esse santuário, onde havia franciscanos. Um padre deu-nos um pequeno papel, chamado “cinesino”, sobre a missão franciscana na China… E foi assim que tudo começou», disse a’O CLARIM o sacerdote, que entrou no seminário menor dos franciscanos aos nove anos de idade.

“Missa Sancti Ioseph” do Maestro Aurelio Porfiri

“MISSA SANCTI IOSEPH” DO MAESTRO AURELIO PORFIRI

Bento XVI agradece oferta d’O CLARIM.

“Para o Senhor Aurelio Porfiri com a minha bênção apostólica”. Foi deste modo que o Papa emérito Bento XVI agradeceu, no passado dia 11 de Julho, a oferta do libreto “Missa Sancti Ioseph”, em homenagem ao 90º aniversário de Joseph Ratzinger, que decorreu a 16 de Abril último.

«A “Missa Sancti Ioseph”, a três vozes, que Aurelio Porfiri dedica a Sua Santidade Joseph Ratzinger (…) representa – acreditando que estou a interpretar o pensamento do compositor – um retorno nostálgico à polifonia clássica que pertence aos grandes mestres que surgiram da polifonia, em resultado da reforma tridentina [reforma do Concílio de Trento], que se concretizou na forma fluente e transitória da Missa Brevis», sublinhou o reitor emérito do Pontifício Instituto de Música Sacra, monsenhor Valentino Miserachs.

Missionários Argentinos contam horrores vividos no Iraque e na Síria

Nada demove os católicos martirizados

Nada demove os católicos martirizados.

O padre Luis Montes, do Instituto do Verbo Encarnado, e a irmã Maria da Guadalupe, das Servidoras do Senhor e da Virgem de Matará, dois argentinos com trabalho missionário no Médio Oriente, partilharam em Hong Kong os horrores vividos pelos católicos às mãos do Estado Islâmico (ISIS), mas também histórias de coragem e de fé dos que não se desviam do caminho de Deus perante as mais cruéis adversidades.

Numa das duas palestras realizadas nos dias 8 e 9 de Julho, na igreja de São Pedro e São Paulo, em Yuen Long, o padre Montes disse que a perseguição de cristãos no Iraque, onde tem servido nos últimos seis anos, começou a piorar após a morte de Saddam Hussein, em 2003.

Empresas de Angola podem contratar estrangeiros não residentes

EMPRESAS DE ANGOLA PODEM CONTRATAR ESTRANGEIROS NÃO RESIDENTES

RAEM no pacote.

As empresas de Angola já podem contratar trabalhadores estrangeiros não residentes, conforme o decreto presidencial de 4 de Julho, o qual refere que “o visto de trabalho pode ser concedido até ao termo do contrato de trabalho, de acordo com a duração do contrato estabelecido entre o empregador e o trabalhador e eventuais renovações”.

Grupo de Macau cria “Projecto Quénia 2017”

GRUPO DE MACAU CRIA “PROJECTO QUÉNIA 2017”

Pelas crianças com deficiência.

Um grupo de voluntários de Macau pôs em marcha o “Projecto Quénia 2017”, com o intuito de viajar até aquele país africano para ajudar as crianças com necessidades especiais do Centro Furaha, em Meru. A partida está marcada para o dia 22 de Julho e o regresso para 5 de Agosto.

As fundadoras da iniciativa, Fátima Dermawan e Chan U On, já tinham participado em 2009 num outro projecto de solidariedade em Cabo Verde, organizado por uma comunidade universitária no tempo em que estudaram em Portugal.

Albano Martins e o Mercado Imobiliário

Albano Martins

Estatísticas oficiais são enganadoras.

O economista Albano Martins disse a’O CLARIM que a proposta relativa à alteração do regime jurídico de arrendamento poderá vir a não reflectir a situação real do mercado imobiliário. Em causa está o mecanismo de coeficiente de controlo das rendas, a ser implementado em determinados contratos pelo Chefe do Executivo, quando assim o entender.

A medida será sempre de cariz excepcional e transitório, conforme o projecto de lei apresentado por nove deputados na Assembleia Legislativa.

Igreja em Hong Kong vinte anos após a transferência de soberania

IGREJA EM HONG KONG VINTE ANOS APÓS A TRANSFERÊNCIA DE SOBERANIA

A voz da consciência.

Vinte anos após a transferência de soberania em Hong Kong, a Igreja Católica desempenha um papel-chave a nível sócio-político, refere a irmã Beatrice Leung, para quem o cardeal D. Joseph Zen foi o responsável por moldá-la e por apontar o caminho a seguir. Ainda assim, para o padre Carlos Cheung, o sistema da diocese local precisa de uma transformação estrutural para criar um melhor plano pastoral que possa fazer face aos desafios futuros.

A irmã Beatrice Leung, especialista em Teologia, Ciência Política e Relações Igreja-Estado, não tem dúvidas em afirmar que, tendo em conta a qualidade dos católicos de Hong Kong, a Igreja da antiga colónia britânica é a mais forte da Grande China.

Irmãs da Caridade de Santa Ana cuidam de deficientes e idosos

Irmãs da Caridade de Santa Ana

Irmãs da Caridade de Santa Ana

As máscaras da sociedade.

A irmã Omana Ouseph, superiora do Centro de Santa Lúcia, em Ká-Hó, supervisiona os cuidados das utentes, todas elas com deficiência mental crónica. «Estão a nosso cargo 58 mulheres, a maioria das quais com deficiência mental profunda. Quando receberam alta hospitalar não voltaram para casa. Precisavam de cuidados especiais, algo de difícil concretização para as famílias», sublinha a religiosa das Irmãs da Caridade de Santa Ana.

A irmã Omana reconhece que «as famílias fazem visitas muito raramente», mas assume que o cenário já foi bastante pior: «Antes faziam ainda menos visitas.

Pedro Runa, Campeão Mundial de Tiro com Besta Medieval

Pedro Runa

«Macau poderia organizar um campeonato do mundo».

Começou tarde na modalidade, tomou-lhe o gosto e sagrou-se campeão mundial de tiro com besta medieval. É este o percurso desportivo do português Pedro Runa, que insta Macau e a República Popular da China a investirem na modalidade, até porque se trata de uma arma de invenção chinesa. Pela primeira vez no território, o também especialista em soluções tecnológicas viajou com o propósito de abrir a janela de oportunidades para a empresa Ping WLT.

Cursos de Latim no Seminário de São José

CURSOS DE LATIM NO SEMINÁRIO DE SÃO JOSÉ

Católicos e não-católicos descobrem a Igreja.

Os cursos de Latim Básico II e Básico III, ministrados pelo professor Roberto Ceolin, terminaram ontem no Seminário de São José, tendo contado com alunos católicos e não-católicos.

Natural de Macau, Isabela Wong foi baptizada na Igreja Anglicana, mas segue agora a Igreja Baptista. Completou o curso de Latim Básico II. «Antes, estudei Francês e Português. Por isso, julgo que é natural ir às origens de todas estas línguas latinas, onde também se inclui o Italiano e o Espanhol, sem esquecer que o Latim é a língua das igrejas cristãs, o que nos abre os horizontes da História, ao conhecermos por exemplo um pouco do Império Romano», disse a’O CLARIM, quanto à razão por que decidiu aprender uma língua considerada morta.

Procissão do Santíssimo Sacramento regressou ao Calendário Litúrgico de Macau

PROCISSÃO DO SANTÍSSIMO SACRAMENTO

Um só corpo, uma só Igreja.

Com D. Stephen Lee a Igreja em Macau recuperou uma tradição perdida há 44 anos: a procissão Corpus Christi ou do Santíssimo Sacramento. Centenas de fiéis afluíram às igrejas da Sé Catedral e de São Domingos no passado Domingo, numa manifestação de unidade promovida pelo bispo de Macau.

Desde Junho de 1973 que o dia dedicado à Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo não era abrilhantado com a procissão do Santíssimo Sacramento. No passado Domingo, por iniciativa de D. Stephen Lee, bispo de Macau, a igreja da Sé Catedral voltou a engalanar-se e a encher-se de fiéis, para juntamente com o prelado da Diocese, os sacerdotes e as pessoas consagradas adorarem o Santíssimo Sacramento e acompanharem o andor no centro da Cidade do Santo Nome de Deus de Macau.

Realizador Joel Brandão assina documentário sobre as Comunidades de Macau

Joel Brandão

Há um grande distanciamento entre portugueses e chineses.

Joel Brandão, de 23 anos, a realizar uma curta-metragem sobre as comunidades de Macau, constata que os portugueses e os chineses vivem em mundos paralelos. São culturas diferentes que não se tocam, mas promovem a tolerância. O cineasta espera fazer a estreia do seu trabalho no território.

Comitiva da Diocese de Macau esteve em Pequim e Hebei

COMITIVA DA DIOCESE DE MACAU ESTEVE EM PEQUIM E HEBEI

Educação é motor de aproximação.

Uma comitiva da diocese de Macau, liderada pelo bispo D. Stephen Lee, deslocou-se, entre 29 de Maio e 2 de Junho, a Pequim e à província de Hebei, com o intuito de visitar seminários, igrejas, instituições educativas e o Gabinete de Assuntos Religiosos.

A visita teve como objectivo compreender melhor o estado actual da formação nos seminários, a atenção pastoral, o trabalho paroquial e a actividade educativa levada a cabo pela Igreja oficial da China continental, bem como promover a compreensão e o intercâmbio mútuo.

D. Stephen Lee exorta Macau a orar pela igreja na China

União com os irmãos católicos

União com os irmãos católicos.

D. Stephen Lee, bispo de Macau, exortou os fiéis do território a orarem pela unidade da Igreja no continente chinês, na homilia celebrada na Sé Catedral por ocasião da Festa de Nossa Senhora da Ajuda aos Cristãos, que decorreu no passado dia 24 de Maio, no âmbito do “Dia Mundial da Oração pela Igreja na China”, estabelecido pelo agora Papa Emérito Bento XVI.

Relações Sino-Vaticanas atingem momento decisivo

Jojo Ancheril

João Evangelista Lau

Diplomacia suave ou dura?

A aproximação entre a China e o Vaticano atingiu um momento decisivo. A Igreja Católica tem em cima da mesa duas formas distintas de lidar com o processo: a via suave e uma via mais dura.

Em declarações a’O CLARIM, os padres Jojo Ancheril e João Evangelista Lau explicam o que está em jogo e as causas para ambas as vias.