Category Archives: Todas as Categorias

Padre Fernando Azpiroz, Director da Casa Ricci Serviços Sociais

PADRE FERNANDO AZPIROZ

«Na China, os leprosos são os mais pobres entre os pobres».

Trabalha com mulheres em risco, educa os órfãos de vítimas da SIDA, cuida e dá consolo a pacientes com lepra e com VIH, e começa agora a olhar para aspectos como o ambiente e a sensibilização ambiental. Fundada há 32 anos pelo padre Luis Ruiz, a Casa Ricci Serviços Sociais presta apoio a mais de quatro mil pessoas na China continental. A missão que o jesuíta espanhol se propôs conduzir no final da década de 80 é hoje impulsionada pelo padre Fernando Azpiroz, que coordena uma equipa de 75 funcionários e voluntários espalhados por quase duas dezenas de centros e comunidades. Com despesas anuais superiores a um milhão de dólares, o dinheiro – reconhece o sacerdote argentino – é sempre um problema. A igreja do Seminário de São José acolhe hoje um concerto solidário, dinamizado com o propósito de angariar financiamento para a instituição de solidariedade da RAEM que melhor conhece a China.

Bispo de Macau entre os convocados pelo Papa Francisco

BISPO DE MACAU ENTRE OS CONVOCADOS PELO PAPA FRANCISCO

Cimeira sobre protecção de menores arrancou ontem no Vaticano.

O bispo de Macau, D. Stephen Lee, viajou na passada quarta-feira para Roma, onde participa desde ontem num encontro sobre a protecção de menores. A iniciativa foi convocada pelo Papa Francisco para discutir os alegados abusos cometidos por membros da hierarquia da Igreja.

A iniciativa reúne no Vaticano até ao próximo Domingo os líderes das conferências episcopais de todo o mundo e é vista como uma boa oportunidade para que a Cúria Romana envie uma mensagem inequívoca de que os casos de abuso são um desafio que diz respeito à Igreja como um todo.

Brasil, Argentina, Venezuela e Nicarágua

Tumulto Latino-Americano

Tumulto Latino-Americano.

Brasil, Argentina, Venezuela, Nicarágua: quatro países latino-americanos que fazem títulos na Comunicação Social há meses, ou mesmo anos, porque vivem crises económicas e políticas graves. Contudo, há outros, menos falados, como El Salvador, Guatemala e Honduras, que parecem estar ainda pior, e só oferecem um futuro aos seus cidadãos: a emigração.

«Tão longe de Deus e tão perto dos Estados Unidos». A frase do Presidente mexicano Porfírio Dias (1884-1911) aplicava-se ao seu país, mas na realidade descreve um fenómeno latino-americano. A vizinhança com o Estado mais poderoso do mundo tem sido fonte inesgotável de humilhações e rancores, de ingerências e castrações, mas também desculpa perene para todas as corrupções, incompetências e todos os assassínios de incontáveis governantes a sul do rio Grande.

Conciliadora e Firme

CONCILIADORA E FIRME

A Madre Rosa vista pelos seus alunos.

«A madre Rosa era especial». É assim que Isaías do Rosário, engenheiro mecânico que cresceu em Macau, sintetiza a influência que Maria Adolfa Rosa Serafina Rodrigues, irmã da Congregação das Franciscanas Missionárias de Maria, falecida a 8 de Fevereiro, teve sobre o seu percurso de vida.

A religiosa, nascida na ilha da Madeira a 6 de Maio de 1925, foi a primeira educadora de infância de várias gerações de residentes do território que iniciaram o seu percurso escolar no Colégio de Santa Rosa de Lima, e foram vários os antigos alunos do estabelecimento que fizeram questão de se associar, na passada quarta-feira, às cerimónias fúnebres da antiga professora.

Novena, Adoração Eucarística e Procissão de Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos em Macau

Prenúncio de Quaresma

Prenúncio de Quaresma.

A Novena de Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos, e respectiva procissão, é muito ansiada pela comunidade católica de Macau. Esta devoção é o prenúncio da festa litúrgica da Quaresma. Com este advento preparam-se os fiéis para, em Abril, se unirem, na alma, à Paixão do Senhor, relembrando e vivendo mais de perto aquele momento dramático, não só para os que seguiam Jesus, mas para o próprio Cristo. A Paixão, a Morte e a Ressurreição do Senhor – Deus feito homem – ao lado da Sua natividade, abriu na história da Humanidade um novo capítulo para a eternidade. Tal foi e é a sua importância, pois Ele é o Senhor do tempo, do espaço e da História.

Capa 22-02-19

Capa 22-02-19

A violência sobre as mulheres

A violência sobre as mulheres

Tenho-me questionado muitas vezes sobre o diferente tipo de reacções que me provocam certos crimes praticados na sociedade portuguesa, entre outras. E isto porque nem sempre assumo a mesma atitude que a lei lhe confere.

O crime, para mim, tem a ver não só pela sua natureza, como por quem o pratica. Se alguém rouba por fome ou por doença do foro mental, não pode ter o mesmo tratamento criminal do que um político manhoso ou de uma qualquer figura com responsabilidades públicas, que se aproveita da sua posição para enriquecer fraudulentamente. A lei não pode ser igual para todos. Não pode ser cega aos motivos considerados criminais e ao estatuto dos seus executores.

Teologia, Uma Dentada de Cada Vez (20)

Poderá alguém interpretar a Bíblia?

Poderá alguém interpretar a Bíblia?

Poderá alguém interpretar a Bíblia? São Pedro dá-nos uma resposta clara na sua Segunda Carta (II Pedro 1:20-21): «Antes de tudo temos que compreender isto: que nenhuma das profecias das escrituras está sujeita apenas a uma interpretação, porque nunca nenhuma profecia apareceu por impulso do homem, mas sim pelo de homens guiados pelo Espírito Santo, de acordo com as palavras proferidas por Deus».

É por isso que o Catecismo da Igreja Católica (nº 109) nos ensina: “Nas Sagradas Escrituras, Deus falou aos homens de forma humana. Para se interpretar correctamente, o leitor tem que ter atenção (1) ao que os autores humanos realmente queriam afirmar, e (2) ao que Deus queria revelar-nos através das Suas palavras” (“Dei Verbum”, 12 – “Palavra de Deus”, 12).

Cinemas, Destinos… e Arquitectura

Cinema, destinos... e arquitectura

1– Longe vão os tempos em que ir ao cinema era todo um ritual que exigia informação prévia, ponderação acerca do filme que se pretendia ver (e não consumir) e do dinheiro despendido com tal acto cultural. Agora é toda uma romaria rumo aos centros comerciais de gente disposta a queimar o crédito dos cartões plastificados e que nas horas mortas dá um salto a uma das salas dos múltiplos “multiplex” para assistir à sessão que lhe der mais jeito. Como dizia um amigo, e muito acertadamente, «o negócio cinematográfico de agora não é propriamente vender filmes, mas sim despachar pipocas e cachorros quentes e oferecer o filme em forma de cupão-bónus». Nada mais verdadeiro! Até porque a maioria dos espectadores assiste a filmes com o mesmo empenho com que mastiga o milho insuflado, caramelizado ou não.

Cismas, Reformas e Divisões na Igreja – XCV

O antiteísmo – II

O antiteísmo – II

O antiteísmo é assim tão intolerante que não tenha em conta o respeito pelas diversas formas de culto? Hoje em dia muitos consideram o antiteísmo mais negativo e “violento” que o ateísmo, por exemplo. Por um lado, cerceia a liberdade de pensamento e de escolha, por outro a liberdade de expressão, como reflexo prático do pensamento, fica limitada ou diminuída. Afinal, para o “movimento” anarquista, se assim pudermos designar, a mutilação da liberdade de pensamento e de expressão não são dos piores crimes? E estando o antiteísmo estribado no anarquismo, não se vislumbra aqui uma contradição?

Rota dos 500 Anos

Rota dos 500 Anos

Aruba: religião, cultura e comida portuguesas

Chegou com dois anos de idade, depois do pai aqui ter estado, um ano antes, para vender gelados pelas estradas desta ilha tórrida. Ao contrário da emigração de Curaçao, os portugueses de Aruba vieram para limpar estradas e esgotos, vender gelados, enfim, realizar trabalhos que mais ninguém queria. Mas vieram e singraram na vida… com trabalho muito árduo.

Família de cinco filhos, dois nascidos na Madeira e os restantes três já em Aruba, assume-se cem por cento portuguesa. Os pais e a irmã mais velha regressaram a Portugal há uns anos e por lá se fixaram. Na Madeira, claro!

Os três que ficaram em Aruba estão, de uma forma ou de outra, ligados à restauração, como José do Nascimento, proprietário do único restaurante que serve comida portuguesa na ilha.

França

FRANÇA

Bispos defendem expressões “pai” e “mãe”

A Conferência Episcopal Francesa (CEF) manifestou a sua oposição à proposta governamental que os documentos administrativos nas escolas deixassem de contemplar as opções “mãe” e “pai”.

“Mais uma vez, lamentamos ver uma tentativa no Parlamento que, sob o pretexto de unificar procedimentos administrativos, desconstrói a realidade da família”, refere uma nota assinada por D. Bruno Feillet, presidente do Conselho Família e Sociedade da CEF.

O bispo auxiliar de Reims considera que as referências a “pai” e “mãe” não são “atrasadas” ou “ultrapassadas”, pelo que a escola “deve participar dessa percepção profundamente estruturante”.

Vaticano e o Mundo

Em cada manhã que desponta...

Em cada manhã que desponta…

1. Não sei se os meus leitores já imaginaram o dia-a-dia de um líder político, de uma grande ou de uma pequena nação, não importa.

Homem ou mulher de carne e osso, sujeito às fragilidades do corpo e às vacilações do espírito, os seus primeiros momentos, no início da rotina diária, confundir-se-ão com os de qualquer outro mortal, excepto num pormenor importante: como a actividade cerebral nunca pára… até parar de vez, o despertar significa para o líder, quase sempre, o abrir imediato da porta (mental) desse imaginário gabinete de trabalho, situado na sua cabeça, onde tem arquivados os problemas por resolver.

Com ou sem café, o mundo invade-o(a) sem cerimónia durante o pequeno-almoço, “confeccionado” de tosta com ou sem manteiga, iogurte… e a avalanche das notícias das últimas horas.

Conhecer as Leis de Macau

Conhecer as leis de Macau

Breve Apresentação da Acção Laboral (II)

No artigo da semana passada mencionámos que caso surja um litígio atinente à relação laboral, o empregador ou trabalhador podem solicitar à Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais que lhes proporcione informações ou apoio. Caso seja necessário resolver o litígio judicialmente, pode recorrer-se ao processo do trabalho.

Cartoon 22-02-19

Cartoon 22-02-19