Daily Archives: November 23, 2018

50 Anos das Sagradas Escrituras em Chinês

50 ANOS DAS SAGRADAS ESCRITURAS EM CHINÊS

PADRE CYRIL LAW JR.

Falta traduzir a Bíblia para Cantonense

É considerada a versão chinesa da Bíblia por excelência, mas a tradução das Sagradas Escrituras feita pelo Studium Biblicum Franciscanum está cada vez mais desfasada da realidade da China. O texto, publicado em Hong Kong há cinquenta anos, é um bom instrumento de estudo para quem quer aprofundar o conhecimento da Palavra de Deus, mas falha por completo como mecanismo de evangelização. O padre Cyril Law Jr., que defende que a Igreja deve fazer um esforço para traduzir a Bíblia para os diferentes dialectos do Chinês, explica porquê.

Diocese celebrou o Dia Mundial dos Pobres

Agrava-se o fosso entre mais e menos favorecidos

Agrava-se o fosso entre mais e menos favorecidos.

A diocese de Macau assinalou na segunda-feira, pelo segundo ano consecutivo, o Dia Mundial dos Pobres, uma data celebrada no ano passado pela primeira vez por iniciativa do Papa Francisco e que em 2018 voltou a ser assinalada um pouco por todo o mundo.

No território, a evocação do Dia Mundial dos Pobres teve lugar na Taipa, com a Cáritas a oferecer um almoço a cerca de uma centena de pessoas. Na iniciativa, organizada em estreita cooperação com a Diocese, participaram residentes em situação social muito distinta, explicou a’O CLARIM o secretário-geral da Cáritas Macau, Paul Pun: «Juntámos cem participantes, entre os quais idosos que vivem sozinhos, alguns sem abrigo e ainda crianças, sobretudo de famílias monoparentais. A diocese de Macau tentou encorajar os jovens a fazerem chegar o seu apoio aos menos privilegiados».

Novembro tem dois “São Martinhos”- São Martinho de Tours e São Martinho de Lima

Calor das castanhas lembra fervor da santidade

Calor das castanhas lembra fervor da santidade.

A Igreja recorda este mês São Martinho de Tours, celebrado a 11 de Novembro, o dia da sua festa litúrgica. Um militar que partilhou a sua capa com “Cristo”, facto que popularizou a palavra “capela” no mundo cristão. A meia-capa de São Martinho de Tours foi colocada numa urna, que se encontra num pequeno santuário construído para o efeito. Como em Latim “meia-capa” se pronuncia “capela”, as pessoas costumavam dizer: “Vamos rezar onde está a capela”. Desse modo, o nome “capela” ficou popularizado e passou a ser usado para designar os pequenos lugares de oração. O dia de São Martinho é festejado um pouco por toda a Europa e pelo mundo, mas as celebrações e costumes variam de país para país.

Hoje, no Clube Militar de Macau

Viaje com o Pe. João Eleutério pela história dos Cristianismos

Viaje com o Pe. João Eleutério pela história dos Cristianismos.

O Clube Militar acolhe ao final da tarde de hoje uma conferência ministrada pelo padre João Eleutério e subordinada ao tema “Os Cristianismos na História: Emergência e afirmação das diferentes tipologias cristãs na História do Cristianismo”.

O arranque da iniciativa, que tem o salão Stanley Ho como palco, está agendado para as 18 horas e 30.

Obra Social do Calvário, Paróquia de Telheiras e Mosteiro de Alcobaça

Santa paciência

Santa paciência.

A obra social do Calvário, em Paredes, acolhe 64 pessoas incapazes de se valerem economicamente, a maioria com demência, outras sem família e desinseridas na sociedade. Um grande número de voluntários colabora, conferindo àquela casa um ambiente alegre e, tanto quanto possível, familiar. É normal encontrar por lá médicos, juízes, professores, a fazer camas ou a limpar o chão, ao lado de camponeses e outros colaboradores.

Recentemente, a direcção e os voluntários decidiram homenagear um antigo director, homem generoso, mas de carácter áspero, com muita idade, protagonista, há anos, de diferendos azedos com as autoridades da Segurança Social.

Capa 23-11-2018

Capa 23-11-2018

Eclesial

Terço na mão e fé no coração

Terço na mão e fé no coração

O Terço é um intercâmbio entre Deus e a Humanidade, que se foi adaptando às necessidades de cada época na salvação dos homens, mas sempre, sempre, por intercessão de Maria.

Quanto à origem mais remota do Santo Rosário, podemos dizer que nasceu no mistério da Anunciação, com a saudação do arcanjo São Gabriel à Virgem de Nazaré: «Avé, cheia de graça, o Senhor é contigo» (Lc., 1, 28). A oração tem a sua continuidade nas palavras inspiradas pelo Espírito Santo que saíram da boca de Santa Isabel: «Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre» (Lc., 1, 42).

O Nosso Tempo

Preconceitos, opiniões, certezas...

Preconceitos, opiniões, certezas…

A revolução de hábitos e atitudes, provocada pela informação audiovisual contínua, transformou o mundo num grande palco, em que o espectáculo nunca pára, em que a cortina nunca desce.

Algo pode ser objecto de notícia na outra parte do mundo, assim que fechamos a luz do candeeiro e nos dispomos ao sono reparador. Porque, fechando nós os olhos, a vida continua nos outros pequenos bairros (mesmo se com bandeira e hino nacional), das mais variadas geografias, de que se compõe o quadro completo da nossa aldeia global. E enquanto estamos a dormir, nasce-se e morre-se noutras paragens, ri-se e chora-se nos mais recônditos lugares do mundo, ganha-se e perde-se, ama-se e odeia-se, confraterniza-se ou iniciam-se lutos, apertam-se as mãos ou aponta-se a arma para liquidar inimigos…

Macau Versus Kuching

Cumplicidade citadina

Cumplicidade citadina

Ao mergulharmos no casario da parte antiga de Kuching, muito anterior à Segunda Grande Guerra, de imediato testemunhamos o reconfortante perpetuar de vetustas tradições mesteirais onde, e apesar de esmagadoramente predominarem os ourives, há lugar para carpinteiros, alfaiates, sapateiros, ferreiros, mecânicos, serralheiros, relojoeiros e até tanoeiros. E se abundam os aurífices com naturalidade se aceitam as lojas de penhores da vizinhança. Obrigatórios, sempre, os pequenos restaurantes. Uns quantos, mistos de serviços de rua e de garfo-e-colher entre paredes, proporcionam-nos a deliciosa laksa, especialidade típica dos chineses dos Estreitos. Consiste numa massa de arroz com pedaços de frango, soja e camarão, servida com um molho picante à base de caril e leite de coco, ou então de tamarindo.

Passeios por Havana – 7

O frade Serra, a bailarina Araújo e o filatelista Aguiar

O frade Serra, a bailarina Araújo e o filatelista Aguiar

Ergue-se em frente ao cais e é um dos edifícios mais antigos do centro histórico o sobrado setecentista que agora aprecio na Calle Baratillo. Alberga o rés-do-chão um pitoresco museu de marionetas e serve o primeiro andar de sede principal à Oficina do Historiador, entidade criada em 1938 para preservação do vasto legado patrimonial contido nos cantos e recantos da velha Havana. Inspirar-se-iam os técnicos da reabilitação no trabalho do professor Stanislaw Lorentz, falecido em 1991 – “o seu empenho na salvaguarda do património nacional da Polónia e o seu papel na reconstrução do castelo real de Varsóvia, motivou o nosso trabalho no Centro Histórico”, reza um baixo-relevo na parede de um edifício anónimo, como é prática comum em cidades que não esquecem os seus.

Fotolegenda

MARCHA DA CARIDADE

MARCHA DA CARIDADE

No âmbito da 35º edição da Marcha da Caridade – uma iniciativa promovida pelo jornal Ou Mun – D. Stephen Lee, bispo de Macau, recebeu, em audiência no Paço Episcopal, uma delegação do Fundo de Beneficência dos Leitores do Jornal Ou Mun, liderada pela presidente Ho Teng Iat. Esta responsável, acompanhada pelos vice-presidentes, Lok Po e António José de Freitas, e pelo director do referido fundo, Vong Kok Seng, agradeceu o contributo da diocese de Macau para o consecutivo sucesso da Marcha da Caridade, que todos os anos junta milhares de pessoas em torno de um só objectivo: ajudar aqueles que mais precisam. D. Stephen Lee aceitou o convite para estar presente na cerimónia do corte de fita, juntamente com outras personalidades da sociedade local.

Rota dos 500 Anos

Já “cheira” a Natal

Já “cheira” a Natal

Pouco mais de duas semanas depois da minha chegada às Caraíbas, precisamente à ilha de Curaçao, o veleiro está com o casco pintado, um dos estais reparado – torceu por incompetência da Curaçao Marine, que não assumiu a responsabilidade – velas nos respectivos locais, retranca, mastro, enrolador de proa, motor testado e quase todos os sistemas a funcionar.

Cheguei a 8 de Novembro e no dia 13 já o Dee estava na água. A 19 mudei para o ancoradouro onde estou até à chegada do resto da tripulação, em meados de Dezembro.

Papa almoçou com pobres no Vaticano

«Proximidade» a quem passa necessidade

«Proximidade» a quem passa necessidade

O Papa Francisco assinalou a 18 de Novembro o II Dia Mundial dos Pobres, com um almoço que reuniu milhares de pessoas com necessidades, voluntários e representantes de instituições de caridade, no Vaticano.

«Este dia, que envolve cada vez mais paróquias, associações e movimentos eclesiais, quer ser um sinal de esperança e um estímulo para que nos tornemos instrumentos de misericórdia no tecido social», explicou o Pontífice aos peregrinos reunidos na Praça de São Pedro, ao meio-dia de Roma, para a oração do Angelus.

Teologia, uma dentada de cada vez (9)

Jesus é credível?

Jesus é credível?

Já examinámos a validade dos Evangelhos e concluímos que podem ser considerados autênticos registos históricos. Assim que começamos a ler os Evangelhos reparamos imediatamente numa nova personagem principal: Jesus. E o que descobrimos? Que faz afirmações que a maioria das pessoas acha simplesmente incríveis.

Para podermos compreendê-lo é importante relembrar o Antigo Testamento, quando Deus revela a Moisés o Seu nome. O Êxodo (3:13-14) diz-nos: «Então Moisés perguntou a Deus: “Se for ter com o povo de Israel e lhes disser ‘O Deus dos vossos pais enviou-me a vós’, e eles me perguntarem ‘Qual é o Seu Nome?’, o que lhes direi?”. Deus respondeu a Moisés: “EU SOU AQUELE QUE SOU” [em Hebreu, “YHWH”]. E acrescentou: “Diz isto ao povo de Israel, ‘EU SOU enviou-me a vós’”». Os hebreus veneravam tanto este nome que evitavam pronunciá-lo. No seu lugar usavam Adonai (Senhor). Os estudiosos (eruditos) dizem que no tempo de Jesus o nome sagrado era pronunciado apenas durante o Dia do Perdão (Yom Kipur).

Fórmula 1 – Época de 2018

E tudo termina no deserto! Será?

E tudo termina no deserto! Será?

O Vicariato Apostólico da Arábia Meridional (em Inglês: Apostolic Vicariate of Southern Arabia) está localizado nos Emirados Árabes Unidos. A sua jurisdição abrange ainda Omã, Iémen e Somália.

O Vicariato é liderado pelo bispo suíço D. Paul Hinder. Foi criado em 1888 como Vicariato Apostólico de Áden, tendo esta designação sido alterada para o nome actual em 2011. Funcionou em Áden (Iémen) até 1973, ano em que foi transferido para a catedral de São José, em Abu Dhabi. Desde 1916 que é governado pela Ordem dos Frades Menores Capuchinhos de Florença.