Stephan Rothlin

Stephan Rothlin substitui Artur Wardega no Instituto Ricci de Macau

Foco na ética de negócios

O padre Stephan Rothlin foi nomeado, em Assembleia Geral realizada no passado dia 22 de Junho, para o cargo de director do Instituto Ricci de Macau (IRM), em substituição do padre Artur Wardega.

«A nomeação foi necessária em virtude da limitação de dois mandatos a que estava sujeito o seu antecessor, que geriu os destinos do Instituto Ricci de Macau entre 2007 e 2015», disse a’O CLARIM César Guillén-Nuñez, o novo secretário da Assembleia Geral do IRM.

«[Stephan Rothlin] é especialista em ética de negócios. É muito interessado nesta temática, por isso não se opõe necessariamente às artes, à literatura e à historiografia, mas irá trazer uma nova dimensão [ao Instituto] com a ética de negócios, e investigações relacionadas, porque este é o seu campo académico», explicou o também investigador-associado do IRM e historiador da Arte de Portugal, Espanha e América Latina.

«Uma parte dos deveres dos jesuítas é o envolvimento na sociedade, não estando por isso excluído se tiverem que lidar não só com o mundo do tempo do Santo Inácio de Loyola [um dos fundadores da Companhia de Jesus], como também com o mundo actual», salientou, acrescentando que «os negócios, e a ética de negócios em particular, como se sabe, é uma parte muito importante do mundo moderno».

Na Assembleia Geral de 22 de Junho os padres Stephan Rothlin e Thierry Meynard também foram eleitos para coordenar a Comissão Jurídica do IRM e César Guillén-Nuñez passou a exercer o cargo de secretário da Assembleia Geral, enquanto Paul Rule, Liu Jingjing, Francisco Pinheiro e Lana Ho foram aceites como membros ordinários.

A reunião (após a eleição) contou com a participação de Stephan Rothlin, John Lee Hua, Beda Liu, Luís Sequeira, Yves Camus, Stephen Tong Chak Long, Alfred Deignan, Artur Wardega, Thierry Meynard, Christan Cochini, Antoni Uçerler, Cesár Guillén-Nuñez, Jerónimo Hung e Tereza Sena, entre outros.

Na ocasião, o padre Artur Wardega apresentou as acções e as actividades efectuadas durante o seu consulado, foi proposto o plano de actividades do novo director, apresentada a moção para alterar os estatutos sociais e nomeada a nova Comissão Jurídica para trabalhar na sua revisão.

No currículo do superior jesuíta natural da Suíça, agora director do IRM, constam os cargos de vice-director do Centro para a Ética de Negócios Internacionais da Universidade de Negócios Internacionais e Economia, em Pequim, e de presidente da Associação de Ética de Negócios Internacionais de Hong Kong.

PEDRO DANIEL OLIVEIRA

pedrodanielhk@hotmail.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *