Dieter Lamlé, Cônsul-Geral da Alemanha em Hong Kong e Macau

DIETER LAMLÉ

Alvos: Rota da Seda e Grande Baía do Delta.

O cônsul-geral da Alemanha em Hong Kong e Macau, Dieter Lamlé, disse na passada sexta-feira que o seu país está interessado em explorar oportunidades de negócio recorrendo à iniciativa “Uma Faixa, Uma Rota”, nome simplificado da “Faixa Económica da Rota da Seda e da Rota Marítima da Seda para o Século XXI”, e à região metropolitana da Grande Baía do Delta.

«Temos dois planos: a iniciativa da Rota da Seda e a Grande Baía do Delta. Está tudo muito no início do processo.

Sei que há algumas empresas alemãs muito interessadas e há outras que estão a tentar compreender que contactos devem fazer e em que locais. Todavia, é muito claro que serão oportunidades muito importantes para a Alemanha», sustentou o diplomata, à margem das comemorações do Dia da Unidade Alemã, no complexo MGM Macau.

Segundo Dieter Lamlé, Macau também não está afastada do radar alemão, visto que «há espaço para as empresas alemãs procurarem oportunidades de negócio para além da indústria do Jogo, mais concretamente no sector do turismo da Grande Baía, e também noutras partes da China continental». De igual forma, sublinhou: «aqui também podem comprar medicamentos alemães».

Para o diplomata, independentemente das circunstâncias políticas que possam ser vividas a breve prazo na Alemanha, as relações bilaterais com a China serão sempre fortes. «A China e a Alemanha estão tão juntas que não será a questão de se saber quem fará parte da coligação com a senhora Angela Merkel [a alterar o rumo dos acontecimentos], porque [a relação de proximidade entre Estados] irá continuar».

A recepção do Dia da Unidade Alemã contou com a presença do secretário para a Segurança, Wong Sio Chak, que no discurso de ocasião elogiou as boas relações com a Alemanha. Paralelamente, decorre no MGM, até à próxima segunda-feira, a nona edição do Oktoberfest, inspirado na tradicional festividade de Munique, no Estado da Baviera.

«Obrigado MGM por trazer este maravilhoso festival para Macau. A formidável comida alemã, as cervejas, as empregadas de cerveja e a excelente banda [Högl Fun Band, de Munique] fazem-me sentir como se estivesse de volta à Alemanha. É uma grande honra ver esta autêntica festividade cultural a ser tão bem recebida em Macau», referiu Dieter Lamlé no dia anterior durante o discurso efectuado na cerimónia de abertura do Oktoberfest.

PEDRO DANIEL OLIVEIRA

pedrodanielhk@hotmail.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *