Jornal O Clarim

Semanário Católico de Macau

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN
Sociedade Todas as Categorias

DIA INTERNACIONAL DA SÍNDROME DE DOWN FOI ONTEM ASSINALADO

Legado de Jérôme Lejeune

A “Down Syndrome International” propôs a data de 21 de Março para comemorar o Dia Internacional da Síndrome de Down, fazendo alusão à trissomia do cromossoma 21. Este cromossoma deve ser formado por um par, mas no caso das pessoas com esta síndrome existem três exemplares (daí a trissomia). No ano de 2006 esta data foi celebrada pela primeira vez.

Jérôme Lejeune (1926-1994), médico geneticista e pediatra francês, identificou a origem genética da Síndrome de Down em 1958, tendo-se dedicado posteriormente ao tratamento das doenças genéticas que atingem as crianças e à defesa incansável da vida humana em todos os seus estágios. Em 1965, foi titular da primeira cadeira de Genética Fundamental, na Universidade em Paris.

O seu trabalho científico constituiu o alicerce sobre o qual passou a assentar a citogenética, sendo considerado internacionalmente como o Pai da Genética Moderna. Durante o período em que foi chefe da unidade de Citogenética do Hospital Necker – Enfants Malades, em Paris, a sua equipa estudou mais de trinta mil casos de doenças genéticas e tratou mais de nove mil pacientes com doenças que afectam a inteligência.

Após a sua morte, foi criada uma fundação com o seu nome, a qual deu continuidade ao trabalho na sua pesquisa de genética em deficiência intelectual, financiando cerca de quarenta programas por ano, em todo o mundo.

Conhecida e reconhecida pelo rigor científico dos seus trabalhos e pela defesa da dignidade da vida humana, a fundação editou o “Manual de Bioética para Jovens”, pais e educadores em geral. O seu objectivo é proporcionar um novo olhar sobre a vida humana e favorecer uma reflexão sobre o poder que cada um detém sobre a vida dos outros, especialmente nas fases em que estes são mais débeis, como as do início e fim da vida.

Para adquirir o “Manual de Bioética para Jovens” ou recolher mais informações, os interessados poderão contactar a Federação Portuguesa pela Vida, por correio (Rua da Artilharia Um, 48, 3º Direito, 1070-013 Lisboa), telefone (21 607 20 72 / 91 087 18 73) ou por e-mail (f.p.p.vida@gmail.com).

SUSANA MEXIA 

Professora

LEAVE A RESPONSE

Your email address will not be published. Required fields are marked *