Porque verão a Deus (Mateus 5:8)

Chamada para a Grandiosidade (30)

Porque verão a Deus (Mateus 5:8)

No início do ano passado a história que se segue fez sensação no espaço virtual.

Uma menina comprara um iPad. Quando o seu pai o viu, perguntou à filha: «– Qual foi a primeira coisa que fizeste quando o compraste?»

«– Coloquei-lhe um adesivo contra os arranhões e riscos no monitor e comprei uma capa para o iPad», respondeu ela.

«– Alguém te obrigou fazeres isso?»

«– Não».

«– Não achas que isso poderá ser um insulto para o fabricante?»

«– Não pai! De facto, eles até recomendam o uso de uma capa no iPad».

«– Tu puseste-lhe essa capa porque o iPad era barato e feio?»

«– Na realidade, eu cobri-o porque não quero que se estrague nem que perca o seu valor».

«– E ao cobri-lo, não diminuíste a beleza do teu novo iPad?»

«– Penso que ficou mais bonito, e que valeu pena pela protecção que proporciona ao meu iPad».

O pai olhou amorosamente para a sua filha e disse-lhe: «– No entanto, se eu te pedir que cubras o teu corpo, que é muito mais precioso que o iPad, fá-lo-ias de imediato?»

A menina ficou calada…

A modéstia e a pureza não são as virtudes mais importantes, mas nós precisamos delas. O Senhor disse que é necessária para se ver Deus (cf Mateus 5:8).

O poder de gerar novas vidas é um poder impressionante e sagrado.

Impressionante, porque um homem e uma mulher tornam-se co-criadores com Deus.

Sagrado, porque Deus está envolvido em cada acto de criação: por cada bebé concebido, Deus cria uma nova alma! Deus trabalha por intermédio da sexualidade humana.

O uso indevido de algo sagrado, para outros fins, que não os destinados, ofende profundamente a Deus.

A única ocasião registada, em que Jesus usou de violência, foi quando expulsou do Templo os vendilhões e os cambistas. E é isso o que o nossos corpos são – Templos, lugares sagrados. «Não sabeis que o vosso corpo é um Templo do Espírito Santo, no vosso interior, que vos foi dado por Deus? Vós não são pertença de vós próprios; vós fostes adquiridos com um preço. Por isso, glorificai a Deus no vosso corpo (I Coríntios 6:19-20)».

Além disso, homem ou mulher, não são apenas “algo” – um objecto – para ser usado no intuito de se ter prazer, mas “alguém” para ser amado por si próprio, pelo que é.

Nosso Senhor ensinou-nos: «Vós ouvistes o que foi dito. “Não cometerás adultério”. Mas Eu digo que todos os que olham para uma mulher com luxúria, já cometeram adultério no seu coração».

Ele acrescentou: «Se o teu olho direito te fez pecar, arranca-o e deita-o fora. É melhor que percas um dos teu membros, do que todo o teu corpo seja atirado para o inferno (Mateus 5:27-29)».

Talvez agora entendamos o que o Papa Francisco disso ao jornal argentino La Voz del Pueblo: “Eu não vejo televisão desde 1990. Foi uma promessa que fiz à Virgem do Carmo (Nossa Senhora do Carmo) na noite de 15 de Julho de 1990. Eu disse para mim próprio, ‘isto não é para mim’”.

Quanto ao futebol, esclareceu: “Eu não vejo nada. Tenho um Guarda Suíço que todas as semanas me diz os resultados e como estamos na tabela do campeonato”.

Numa ocasião, o Papa Francisco, enquanto apresentava a sua mensagem durante a audiência semanal das quartas-feiras, olhou para o discurso escrito e disse: «Importam-se que vos diga algo de pessoal? Sabem o que faço antes de ir para a cama? Eu digo ao Senhor: “Senhor, se quiseres, poderás limpar-me (Mateus 8:2; Marcos 1:40; Lucas 5:12)”. Então rezo cinco Pais Nossos em honra das Cinco Feridas de Nosso Senhor».

Queremos ser limpos? Então deixem-me perguntar a Deus, na oração, na Confissão, na Eucaristia: “Senhor, se quiseres, Vós podeis limpar-me!”

Pe. José Mario Mandía

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *