GOVERNO PREOCUPADO COM SECTOR IMOBILIÁRIO

Governo preocupado com sector imobiliário

Bolha terá grande impacto na economia

O secretário para os Transportes e Obras Públicas manifestou-se esta semana preocupado com os efeitos de uma bolha imobiliária na estabilidade financeira da RAEM.

«Temos definido várias medidas, como a restrição de empréstimos bancários, para evitar empréstimos excessivos e fazer face a um eventual rebentamento da bolha que pode afectar o mercado financeiro», disse Lau Si Io, durante uma sessão de interpelações dos deputados na Assembleia Legislativa.

O aumento dos preços no sector imobiliário já levou o Governo a admitir a possibilidade de existência de uma bolha e a manifestar-se preocupado com as suas consequências.

«O mais importante é manter a segurança do nosso mercado financeiro. Se a bolha imobiliária rebentar irá ter um grande impacto na nossa economia», sublinhou o dirigente.

Apesar da habitação ter dominado o plenário – cinco das sete perguntas endereçadas por deputados foram sobre o tema – o Governo não adiantou nenhuma nova medida para responder aquela que é uma das maiores preocupações da população.

Lau Si Io reiterou que os novos aterros urbanos vão ser maioritariamente destinados à construção de habitação pública, mas não garantiu que essas reservas sejam suficientes para as necessidades futuras.

«Nesta fase, o essencial é haver recursos de solo suficientes. Agora, se a reserva é suficiente ou não, depende do “timing”. Há situações imprevistas sobre a entrada de pessoas em Macau para trabalharem», disse.

Quanto à possibilidade de terrenos não aproveitados reverterem para a administração, o secretário não quis adiantar dados. «Não posso acrescentar porque estamos em procedimentos legais», disse.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *