Há dois mil anos

Maria

Maria

Há mais de dois mil anos, uma mulher, de nome Maria, concebeu e deu à luz Jesus Cristo, o Filho de Deus. Graças a ela, todos nós existimos na fé cristã e a ela devemos também a existência de Cristo. Uma gravidez que mudou o rumo da História, da Fé e do Mundo. Um acreditar inequívoco, uma graça plena e divina que quebrou barreiras, desafiou regras e inundou a Humanidade de um amor eterno, infinito e misericordioso.

A ela lhe foi dada a mais bendita e difícil missão, a de ser Mãe de Jesus Cristo, aquele que foi o mais humilde dos homens e o mais poderoso dos reis. Ela que nunca duvidou da confiança que em si foi depositada, que amou o seu Filho acima de todas as coisas e que consentiu a sua partida como um bem maior.

Em cada ínfimo gesto, incorpora uma lição de dedicação, amor e fé. A sua vida é um exemplo para todos nós, meros cristãos pecadores, de que devemos amar mais, crer mais e dedicarmo-nos mais aos outros. Porque também ela viveu por nós e para nós.

Aquela que era uma simples mulher, comum ao seu tempo, transformou-se na mais adorada Senhora. Coroada Santa e Rainha. Devota fiel e amante fecunda, procriou a fé verdadeira sem negar o seu sim, construindo o seu caminho e imortalizando a sua grandeza no exemplo deixado na Terra.

Por isso, Maria é o exemplo de pessoa que devemos preservar na nossa memória e seguir no nosso viver contínuo e duradouro da fé cristã.

Ana Esteves 

Professora

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *