Real Associação avança em Macau

Monárquicos querem manter viva a Coroa Portuguesa

Real Associação avança em Macau

O dinamizador dos monárquicos portugueses residentes em Macau, Luiz Oliveira Dias, revelou a’O CLARIM que está a ser preparada a fundação da Real Associação para o Extremo Oriente, que englobará Macau, Hong Kong, Timor-Leste, Malásia, Tailândia, Indonésia e demais países ou territórios onde foi evidente a presença portuguesa.

«Vamos preparar os estatutos, criar uma comissão instaladora e marcar eleições para os órgãos sociais. D. Duarte Pio, Duque de Bragança e herdeiro da Coroa Portuguesa, já nos deu todo o apoio para avançarmos com esta ideia», salientou Oliveira Dias, representante em Macau de Sua Alteza Real. «A ideia é manter vivo o ideal monárquico em Portugal, também por quem reside no Extremo Oriente», acrescentou.

Já Francisco Gaivão, outro dinamizador da ideia, mostrou-se agradado com a participação de cerca de setenta pessoas no jantar dos conjurados realizado na passada segunda-feira, no Clube Militar de Macau.

«Uma vez mais, o jantar foi um sucesso, com grande participação de monárquicos e patriotas, não só oriundos de Portugal, como também de macaenses, o que foi para mim uma grande satisfação. Foi também lida uma mensagem de D. Duarte Pio, de saudação aos presentes e de agradecimento por estarem reunidos e não deixarem cair a importância do 1.º de Dezembro», descreveu.

P.D.O.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *