Teresa Lo

Novo Centro Católico desvendado

Arte para chegar a Deus

O Centro Católico de Macau vai ser revitalizado, tendo a arte como ponto fulcral para chegar a Deus. O novo espaço estará aberto a pessoas de todos os credos e religiões, independentemente da sua raça ou proveniência.

«O alvo serão os estudantes e os professores, mas também queremos receber todas as pessoas, incluindo turistas e grupos do exterior. Não vamos limitá-lo às escolas católicas, porque o conceito trinitário que pretendemos implementar na revitalização deste espaço é para todos, sejam cristãos ou não, católicos ou não», disse a’O CLARIM, Teresa Lo, na qualidade de membro da comissão preparatória do Projecto de Revitalização do Centro Católico.

«O projecto está agora na fase de planeamento, podendo ainda sofrer alterações. Seguir-se-á, numa segunda fase, o recrutamento de pessoal», acrescentou.

De acordo com o actual planeamento, o rés-do-chão do edifício, consagrado ao “Menino Jesus”, terá a zona da recepção desenhada com os braços de Maria amplamente abertos de modo a abraçar todos aqueles que desejam conhecer melhor Jesus Cristo.

«O restaurante “Evangelho” e a sala de exposições, nos lados da recepção Mariana, simbolizam a riqueza da vida de Cristo com a criatividade gastronómica e a beleza espiritual fundidas na imagem do tempo e da festa de Deus», explicou Teresa Lo.

No primeiro andar, dedicado a “Jesus Criança”, os visitantes vão poder seguir o fluxo da respiração divina na zona cultural, no espaço para orações e no auditório. «O encontro com Deus será possível com um toque de literatura, de Bíblia e de estética», referiu.

O segundo andar, reservado a “Jesus Adulto”, estará voltado para a descoberta da vida e será aprimorado com instalações de aprendizagem. «Iremos receber aqui todo o tipo de pessoas de qualquer idade para aprender com o grande professor, Jesus Cristo. No tempo de Deus a aprendizagem nunca pára», sublinhou.

No terceiro andar, com o tema “Jesus Contemplativo”, «as salas de reuniões irão ao encontro das necessidades de cada comunidade que aqui deseje reunir, planear e criar».

O terraço, virado para “Jesus Ressuscitado”, será um canal para abraçar o amor de Deus. «O espaço aberto para meditação e contemplação, assim como a zona verde que aqui vamos criar, abrirá o caminho de todos para a Igreja universal», frisou a responsável. Não há ainda uma data concreta para o início das obras, nem para a inauguração do novo Centro Católico.

PEDRO DANIEL OLIVEIRA

pedrodanielhk@hotmail.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *