Jornal O Clarim

Semanário Católico de Macau

Sobre esta pedra, evangelizai!
Local Todas as Categorias

Cardeal D. Fernando Filoni pediu aos fiéis sentido de missão e aos professores uma educação com valores

Sobre esta pedra, evangelizai!

O cardeal D. Fernando Filoni pediu aos fiéis católicos de Macau que sejam «missionários» em suas casas, nos seus empregos, na relação com os amigos e na vida quotidiana.

No entender do prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos, o trabalho missionário não está apenas reservado às pessoas consagradas, sendo esta uma tarefa acessível a todos os que vivem a Fé Cristã.

«Ser missionário não é propriamente pertencer a uma instituição, como é pertencer aos Franciscanos, Dominicanos e outros», começou por explicar D. Fernando Filoni, acrescentando: «Cada um de nós, por meio do Baptismo, recebe a vocação missionária de anunciar Jesus ao mundo».

O cardeal, que durante os dois dias que esteve em Macau fez inúmeras referências ao Santo Padre, lembrou que «a evangelização é actualmente a tarefa mais importante da Igreja», uma ideia que tem marcado o pontificado do “jesuíta” Francisco.

Sendo o primeiro Papa não europeu e proveniente da América Latina, Jorge Mario Bergoglio tem desde a sua eleição defendido a evangelização das “periferias”, sejam elas sociais, políticas ou geográficas. Daí a necessidade, segundo D. Filoni, de «levar a Boa Nova aos pobres e àqueles que sofrem». Na prática, «é dar esperança a quem dela precisa», disse.

Recorrendo à passagem da parábola do cego – «Poderá um cego guiar outro cego? (Lc., 6, 39-45)» – o prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos sublinhou o dever de quem «ama os outros» em se «tornar missionário» e «difundir o Evangelho».

Estas declarações foram proferidas, no passado dia 3 de Março, durante a homilia da habitual missa dominical das 18 horas e 30 da Sé Catedral, que contou com a participação de largas centenas de fiéis das mais diversas nacionalidades.

O programa da visita de D. Fernando Filoni, que esteve sempre acompanhado de D. Stephen Lee, bispo de Macau, prosseguiu na manhã do dia seguinte com a celebração de missa no Auditório Centenário de Fátima, no Campus da Ilha Verde da Universidade de São José.

Também durante a homilia, o cardeal repetiu a ideia por ele transmitida na missa de Domingo, tendo dirigido a mensagem aos professores da instituição de Ensino Superior, mais concretamente no que respeita ao papel dos docentes na formação dos alunos. «Não sejam professores só para ensinar, sejam também transmissores de valores», apontou.

Antes do encerramento da Eucaristia, D. Filoni abençoou as novas instalações da Universidade de São José na presença de D. Stephen Lee e do bispo emérito de Macau, D. José Lai. Para o efeito, foi inscrita numa pedra branca a seguinte frase: “Este CAMPUS DA ILHA VERDE foi benzido por S.ª Emin.ª Rev.ª CARDEAL FERNANDO FILONI, Perfeito da Congregação da Evangelização dos Povos, tendo como testemunhas D. STEPHEN LEE BUN SANG, Bispo de Macau, Prof. Pe. PETER STILWELL, Reitor da USJ, Doutor SAMUEL KIO SU IONG, Director do CDSJ6. Macau, 4 de Março de 2019”.

José Miguel Encarnação

LEAVE A RESPONSE

Your email address will not be published. Required fields are marked *