Media

“Click to pray”

“Click to pray” já chega a 440 mil pessoas

O director internacional do Apostolado da Oração (AO), obra confiada à Companhia de Jesus, indicou que a aplicação (app) “Click to pray”, que nasceu em Portugal, tem agora «440 mil» usuários «em Espanhol, Inglês, Francês e Português».

O padre Frédéric Fornos destacou à Rádio Vaticano que a App católica chega a «todas as redes sociais».

«A agência com a qual trabalhamos – La Machi – disse-nos que as pessoas utilizam a app cerca de 4 minutos e 50 segundos, cada vez que a abrem», comentou, observando que «é muito tempo».

Segundo o sacerdote jesuíta, as pessoas dedicam tempo «para meditar, para rezar»: «Normalmente, as pessoas quando usam uma aplicação fazem-no mais velozmente. Aqui, ao contrário, as pessoas tomam tempo para entrar em silêncio e poder realmente abrir o coração e rezar por estas intenções do Papa», desenvolveu o padre Frédéric Fornos.

Estando «muito contentes» pelo tempo que as pessoas dedicam à app, o director internacional do AO revelou que no dia 14 deste mês vai apresentar a “Click to pray” em São Paulo, Brasil, para «ajudar» a dar a conhecer a aplicação e o «vídeo do Papa».

Em Junho, o sacerdote esteve em França para o lançamento da app em Paris e informou que em 2017 vão disponibilizar a “Click to pray” em «Italiano e outras línguas».

O padre Frédéric Fornos apresentou o sistema desenvolvido pelo AO-Portugal e que foi assumido como aplicação oficial da rede mundial de oração do Papa Francisco, em Março, como a app «para despertar e para recordar» que numa vida, «mesmo muito agitada, a oração é essencial».

A intenção de internacionalizar a plataforma multicanal – site, aplicações móveis, redes sociais e emailing – já tinha sido apresentada pessoalmente ao Papa Francisco, durante uma audiência ao Movimento Eucarístico Juvenil, a 10 Agosto de 2015.

«Ajuda a recordar três vezes ao dia, mesmo por um momento, o essencial: A relação com o Senhor, a abertura do coração ao mundo de hoje», explicou o director internacional do AO, comentando que o “feedback” das pessoas é que «ajuda muito, especialmente os jovens».

Para além dos três momentos de oração diária, de manhã, à tarde e à noite, permite também que os utilizadores coloquem as suas intenções em comum, já que está acessível através de site, de aplicações para iphone e android, no YouTube e ainda em redes sociais como o Facebook e o Twitter.

A “Click to pray” foi lançada em Fátima a 21 de Novembro de 2014, numa parceria com o Departamento Nacional da Pastoral Juvenil e com o apoio da Agência ECCLESIA, da Aleteia e do Grupo Renascença.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *