Daily Archives: August 17, 2018

Ana Helena Amaral, Psicóloga

Ana Helena Amaral

«Apesar do Governo e das instituições promoverem a inclusão, ainda se fala pouco».

O Governo e as Organizações Não-Governamentais de Macau são favoráveis à inclusão de pessoas com deficiência na sociedade, mas há resistências por parte da população, afirma Ana Helena Amaral, para quem é preciso mudar as mentalidades. Em entrevista a’O CLARIM, a psicóloga fala também da perda de qualidade de vida, aliada à falta de espaços de lazer e às dificuldades criadas pelos casinos e pela avalanche de turistas.

Padre Franz Gassner comenta a posição da Igreja Católica em relação à abolição da pena de morte

Papa Francisco alumiou o caminho

Papa Francisco alumiou o caminho.

O padre Franz Gassner, docente da Faculdade de Estudos Religiosos da Universidade de São José, vê com bons olhos a recente tomada de posição da Igreja Católica, ao condenar toda e qualquer razão para a existência da pena de morte.

«Pessoalmente, estou contra a pena de morte», disse a’O CLARIM o padre Gassner, elencando várias razões que sustentam a sua convicção. «Os Governos cometem erros. Há provas claras de pessoas inocentes que foram mortas, algo que se estende dos Estados Unidos à China. Como pode uma forma de punição irreversível ser justificada quando há erros e, até mesmo, abusos?», justificou o sacerdote.

Festa da Assunção da Virgem Santa Maria

FESTA DA ASSUNÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA

Tempo de oração para as vocações sacerdotais.

A diocese de Macau celebrou, na passada quarta-feira, a Festa da Assunção da Virgem Santa Maria, com missa solene presidida pelo bispo D. Stephen Lee, na Sé Catedral.

«A solenidade da Assunção de Nossa Senhora, que acontece todos os anos no calendário litúrgico da Igreja, teve este ano um aspecto especial: a diocese de Macau consagrou este dia [15 de Agosto] para a oração das vocações sacerdotais diocesanas», disse a’O CLARIM o vigário paroquial da Sé Catedral, padre Daniel Ribeiro.

Exposição de Pintura com Dedinhos na Fundação Rui Cunha

Bons de coração

Bons de coração.

A Associação de Deficientes Mentais de Macau (ADMM) inaugurou, na passada terça-feira, a “Exposição de Pintura com Dedinhos” na Galeria da Fundação Rui Cunha.

Os 36 trabalhos foram produzidos por 44 alunos da Escola “Kai Chi” (Secção de Crianças da Fase Inicial), Centro Vocacional Kai Lung, Centro Kai Honh e Casa de Petisco “Sam Meng Chi”, todos eles ao cuidado da ADMM.

Incêndio na Serra de Monchique

INCÊNDIO NA SERRA DE MONCHIQUE

A vitória de Pirro.

«Monchique é a excepção que confirma o nosso êxito no combate aos fogos». Com esta cínica conclusão resumiu o nosso Primeiro-Ministro a tragédia que se abateu sobre a Serra de Monchique e os seus habitantes. Curiosamente, há dois meses dizia Costa que Monchique era um exemplo de prevenção de incêndios. Como se constatou, não só não foi exemplo nenhum como nos prendou com mais um triste e vergonhoso recorde: a maior área ardida em toda a Europa no corrente ano. O mesmo primeiro-ministro que ainda há pouco tempo, com um sorriso alarve de orelha a orelha, reiterou, num programa televisivo de grande audiência, a sua autorização para a exploração de petróleo no furo de Aljezur. É claro que não é um político confiável e não defende o interesse público e a vida das populações.

Capa 17-08-18

Capa 17-08-18

Cineasta Joel Brandão presente no Festival de Roma

Margem

Há “Margem” para melhor filme estrangeiro

A curta-metragem “Margem”, do realizador português Joel Brandão, está nomeada para o “Rome Independent Film Festival” (RIFF), na categoria de melhor filme estrangeiro. O certame decorre entre os dias 16 e 23 de Novembro em Roma (Itália).

«A minha expectativa é sempre de que as coisas devem levar o normal curso ao longo do festival. Já é um excelente reconhecimento a película ter sido selecionada entre centenas de outros filmes. Não esperava, é certo, mas nós cineastas trabalhamos para isto, para que os filmes sejam expostos e sejam divulgados. Agora é esperar. Esperar que o filme seja receptivo pelo público, por Itália, e que o mesmo possa ir o mais longe possível e quiçá ganhar algum prémio», disse a’O CLARIM Joel Brandão.

Desmistificando a “Mensagem Cristã” da Sétima Arte

Mais próximos de Harry Potter do que de Jesus

Mais próximos de Harry Potter do que de Jesus

Um fascínio inquietante é exercido pela série “Il miracolo” (O milagre), e, ao mesmo tempo, atrai e incomoda, nisto semelhante a outra série “religiosa” de grande sucesso, “The Young Pope” (O Jovem Papa). Se procurarmos compreender o que têm em comum, encontramos em ambas a religião apresentada como mais próxima do género “mistery” que do Cristianismo. Por este motivo podem ser definidas pós-cristãs: do Cristianismo permanece a aparência – as devoções, as imagens de plástico e as procissões de aldeia, o clero representado de formas quase caricaturais mesmo se com as características dramáticas de uma crise evidente – mas nada do essencial, ou seja, do ensinamento evangélico.

Capela de Santo António de Armação de Pêra

Altar virado ao mar

Altar virado ao mar

Estamos no pico do Verão em Portugal e o destino de eleição por estas paragens é o Algarve. Sendo o mês de Agosto o mais concorrido no Sul do País, nem mesmo a calamidade do fogo que afectou Monchique e as praias nas suas proximidades fez com que a multidão fosse menor.

Aquando da nossa deslocação ao Algarve, em Junho, para participar nos eventos de street food de Lagos e Portimão, ficámos dois dias no Parque de Campismo de Armação de Pêra, uma concorrida praia do concelho de Silves, distrito de Faro. Em conversa com os proprietários de um dos restaurantes do parque de campismo, que é originário da mesma vila que me viu nascer, ficámos a saber que por aqui apenas se trabalha dois a três meses por ano.

Fotolegenda

FRANCISCO E JACINTA MARTO NA SÉ CATEDRAL

FRANCISCO E JACINTA MARTO NA SÉ CATEDRAL

D. Stephen Lee, bispo de Macau, abençoa as novas imagens dos santos Francisco e Jacinta Marto, durante a missa votiva em honra dos dois irmãos que testemunharam os milagres de Fátima, em 1917. A cerimónia realizou-se, na passada segunda-feira, na igreja da Sé Catedral.

Extinção das Ordens Religiosas levou à calamidade no Ensino em Portugal

Pombal e aquele Verão de 1759

Pombal e aquele Verão de 1759

Férias! Rolo pela estrada a caminho de uma actividade com estudantes universitários. Que gosto, encontrar aquela juventude entusiástica! Sonho também com algumas excursões através do campo, atravessando rios e montes. A tabuleta da estrada que anuncia “Pombal” distrai-me. Evoco mentalmente aquele homem estranho, diferente de tudo o que alguma vez tivemos em Portugal. Como foi possível?

Começou como um fidalgo sem ocupação, até saltar para a embaixada de Londres aos quarenta anos, ser chamado para Secretário de Estado dos Negócios da Guerra e Estrangeiros aos 51 e começar, pouco depois, um mandato ininterrupto de Primeiro-Ministro, que durou 27 anos.

Reflexão

Não tenho tempo!

Não tenho tempo!

É a resposta ou exclamação que ouvimos com mais frequência nos nossos dias, vinda de jovens ou de adultos… Não tenho tempo… desculpa, mas não dá…

Face a esta constante e inevitável atitude, regra geral, segue-se um rol infindável de situações, afazeres ou eventuais obstáculos elegidos como culpáveis e responsabilizáveis da escassez de tempo para tudo e para todos.

Filosofia, uma dentada de cada vez (77)

As religiões causam guerras?

As religiões causam guerras?

Tenho um amigo que diariamente lê a Bíblia, mas que diz que não está interessado em juntar-se a nenhuma religião. Disse-me: «As religiões causam guerras».

O autor americano Sam Harris, no seu livro “The End of Faith” (O Fim da Fé ou A Finalidade da Fé?), afirma que a religião organizada é “a mais prolífica fonte de violência na nossa História”.

O Papa reza por elas na Intenção de Oração para o mês de Agosto

Políticas familiares adequadas

Políticas familiares adequadas

«As grandes escolhas económicas e políticas protejam as famílias como um tesouro da humanidade». É um verdadeiro apelo a uma «adequada política familiar» a intenção de oração do Papa Francisco contida na mensagem vídeo para o mês de Agosto, confiada à rede mundial de oração (www.thepopevideo.org).

«Falando das famílias – confidencia o Pontífice – muitas vezes vem à mente a imagem de um tesouro». Mas – reconhece – o «ritmo da vida actual, o stress, a pressão do trabalho e até a pouca atenção por parte das instituições podem pô-las em perigo».

Fórmula 1 – Época de 2018

Expectativas goradas, mudança de pilotos e uma compra

Expectativas goradas, mudança de pilotos e uma compra

A temporada de 2018 da Fórmula 1 arrancou, à semelhança dos últimos dez anos, com o Grande Prémio da Austrália, primeira prova de um calendário superlotado, composto por 21 corridas (Austrália, Bahrain, China, Azerbaijão, Espanha, Mónaco, Canadá, França, Áustria, Inglaterra, Alemanha, Hungria, Bélgica, Itália, Singapura, Rússia, Japão, Estados Unidos da América, México, Brasil e Abu Dhabi). O aumento do número de Grande Prémios deixou algumas equipas pouco satisfeitas e com problemas financeiros.

A Ferrari, com uma apresentação super elaborada e altamente mediática dos seus novos carros, enviou à concorrência directa (Mercedes e Red Bull) uma forte mensagem: “Estamos aqui para vencer!”.