Daily Archives: December 1, 2017

Papa Francisco no Myanmar e Bangladesh

Francis Nge Nge

Minority Report.

O irmão dominicano de nacionalidade birmanesa Francis Nge Nge disse a’O CLARIM que a visita do Papa Francisco ao Myanmar serve como bálsamo para a comunidade católica, em minoria no seu país.

«Do ponto de vista religioso é algo muito bom que tenha visitado o meu país. Como é sabido, os católicos estão em minoria, razão pela qual se sentem de alguma forma inferiorizados em relação à maioria budista. A visita é um grande encorajamento para eles [católicos]. Tal como o Papa disse: a visita serve como encorajamento e também como fortalecimento da fé. Pelo menos, podem ver o líder da Igreja, o que é bom», referiu o irmão dominicano, a frequentar o Seminário de São José em Macau.

500 Anos do Tratado entre a Tailândia e Portugal serão assinalados em 2018

Bairro Português em Ayuthaya de cara lavada

Bairro Português em Ayuthaya de cara lavada.

A antiga capital da Tailândia, Ayuthaya (Ayudhaya), está hoje, uma vez mais, sob a luz dos holofotes da curiosidade mundial, com o aproximar dos 500 anos do primeiro Tratado de Comércio e Amizade entre o então Reino do Sião (no reinado de Ramathibodi II) e Portugal, um país ocidental. Os termos do acordo de amizade e cooperação mútua foram negociados entre Junho e Dezembro de 1518, estando a ser preparada uma celebração condigna de tal feito histórico.

Ramathibodi II há vários anos (desde pelo menos 1511) que contava com a colaboração de mercenários, comerciantes e religiosos portugueses, na sua maioria provenientes de Malaca em busca de mais fontes de receita e de gentios para converter ao Catolicismo.

Inaugurado Gabinete para a Reconstrução do Centro Católico

GABINETE PARA A RECONSTRUÇÃO DO CENTRO CATÓLICO

Passo em frente.

D. Stephen Lee, bispo de Macau, inaugurou na passada segunda-feira as instalações do Gabinete para a Reconstrução do Centro Católico, localizado na Rua de Santa Clara.

A reabilitação do Centro Católico é um dos grandes projectos da diocese de Macau. «Tem perdurado no tempo, pois já dura há muitos anos. Não tem sido suave. Passámos por muitas dificuldades em muitos aspectos. Graças a Deus, temos agora uma boa equipa, liderada pelo vigário-geral, padre Peter Chung, e composta por alguns membros nucleares. Estou agradado com a equipa, que já estava a trabalhar há um ano, mas não tinha ainda instalações físicas. É um passo em frente», disse a’O CLARIM D. Stephen Lee.

Paul Pun e a lista de espera para Lares da Terceira Idade

Número de centros aquém da procura

Número de centros aquém da procura.

O novo lar de idosos gerido pela Cáritas Macau em Seac Pai Van, com capacidade para 318 utentes, pode encurtar o tempo de espera dos candidatos que precisam de cuidados pessoais. Acontece que se não forem entretanto tomadas medidas adicionais o mais certo é que o prazo médio, a rondar actualmente um ano, será facilmente ultrapassado.

«Esperamos acolher os novos utentes em finais de Dezembro, mas se puderem vir mais cedo ainda melhor», disse a’O CLARIM o secretário-geral da Cáritas, Paul Pun, acrescentando que não tem «a mínima ideia» de quantas idosos estão actualmente em lista de espera para darem entrada em lares no território, porque essa competência recai no Instituto de Acção Social.

Quando a Imprensa de Macau se Internacionaliza

Alexandre Valignano, o primeiro divulgador

Alexandre Valignano, o primeiro divulgador.

O padre Alexandre Valignano (1538-1606), organizador das missões portuguesas na China e no Japão, foi também um dos grandes promotores da cultura ocidental no Oriente, devendo-se a ele a introdução, primeiro em Macau e posteriormente no Japão, da primeira imprensa europeia do Extremo Oriente.

Originário de uma família nobre de Chieti, norte de Itália, Valignano viu a luz do dia a 31 de Dezembro de 1539, e dezanove anos mais tarde era já doutor de Direito Civil na Universidade de Pádua.

Capa 01-12-17

Capa 01-12-17

“Workshop” para elevar a liderança nas escolas católicas

Superintendentes ouviram a experiência de Hong Kong

Superintendentes ouviram a experiência de Hong Kong

A Comissão Diocesana da Educação Católica organizou recentemente, no Instituto Cardeal Newman, um “workshop” de superintendentes, com o objectivo de promover o desenvolvimento da liderança ao nível das escolas diocesanas de Macau. O evento contou também com a participação de directores de vários estabelecimentos de ensino católico.

Para a ocasião, foram convidados três conselheiros da Comissão Diocesana, que partilharam a forma como Hong Kong tem vindo a implementar a “gestão de base nas escolas” e a “Comissão de Gestão incorporada”.

5º Conferência da SIGNIS para a Ásia Oriental

5ª CONFERÊNCIA DA SIGNIS PARA A ÁSIA ORIENTAL

Diocese expõe a realidade das famílias de Macau

A secretária-geral da Comissão Diocesana da Família, Casamento e Vida, Filomena Chow, representou Macau na 5ª Conferência da SIGNIS para a Ásia Oriental, que decorreu recentemente em Tóquio (Japão), sob o tema “Família e Histórias de Esperança”.

Durante a sua apresentação a mesma responsável abordou os desafios que as famílias do território atravessam na sociedade actual e os serviços que a Comissão Diocesana oferece na ajuda a essas mesmas famílias, sendo que a maior parte sofre de problemas relacionados com a violência doméstica, o divórcio e a falta de comunicação entre os casais.

Fotolegenda

NOVA CRECHE DIOCESANA

NOVA CRECHE DIOCESANA

D. Stephen Lee, bispo de Macau, Alexis Tam, secretário para os Assuntos Sociais e Cultura, e Celeste Vong, presidente do Instituto de Acção Social, junto de outras personalidades, aplaudem uma demonstração infantil por ocasião da cerimónia de inauguração da Creche Helen Liang, na Rua da Praia do Bom Parto. O evento realizou-se na passada segunda-feira.

São Francisco Xavier celebra-se no dia 3 de Dezembro

SÃO FRANCISCO XAVIER

O Grande Apóstolo do Oriente

Nas missões evangelizadoras, São Francisco Xavier foi o maior conquistador do Oriente, embora não fosse o primeiro. Recebera de Deus uma missão: preparar os caminhos asiáticos para o Senhor. Sem os portugueses a vida do Santo Jesuíta teria sido certamente diferente. A acção missionária de São Francisco Xavier subiu alto e abrangeu vastos horizontes, aproveitando a crista heroica da vaga que percorria o Sul da Ásia, desde a embocadura do Mar Vermelho às costas da China, no desbravamento do paganismo, pelos portugueses, ao longo das rotas marítimas e comerciais que se iam abrindo. De facto, Portugal foi quem o levou, carinhosamente, por todos os Oceanos.

Campeonato da China de Carros de Turismo

Rodolfo Ávila deverá continuar na Volkswagen

Rodolfo Ávila deverá continuar na Volkswagen

O piloto Rodolfo Ávila disse a’O CLARIM que a sua prestação na segunda metade do Campeonato da China de Carros de Turismo (CTCC, na sigla inglesa), coroada com o 2º lugar na classificação final, deverá ser razão suficiente para continuar a ter o apoio da Volkswagen China para a próxima época.

«A época de 2017 não começou da melhor maneira no CTCC. Tivemos alguns problemas com o carro e também de adaptação nas três primeiras provas, o que tornou a vida um bocado mais complicada na primeira fase do campeonato, pois não consegui fazer grandes resultados e tive [durante a temporada] dois DNF [corridas não terminadas] que tornaram as coisas mais complicadas», referiu Ávila.

Novo Embaixador de Portugal na Santa Sé

António Lima com Francisco pela Paz

António Lima com Francisco pela Paz

O novo embaixador de Portugal junto da Santa Sé, António de Almeida Lima, foi recebido pelo Papa Francisco numa audiência privada, tendo enaltecido o esforço diplomático da Santa Sé na questão da paz.

Pela Santa Sé e, em particular pelo Papa Francisco, passam «muitos desafios no mundo contemporâneo, nomeadamente nos esforços e apelos de paz» que devem ser acompanhados pelo mundo diplomático. «São sempre faróis e luzes do Papa porque são reflexões muito importantes que assim devem ser escutadas em todo o mundo», afirmou António de Almeida Lima à Agência ECCLESIA.

Filosofia, uma dentada de cada vez (42)

O que torna os seres humanos imprevisíveis?

O que torna os seres humanos imprevisíveis?

Já vimos que o comportamento das plantas e dos animais, as suas reacções a estímulos ambientais, são previsíveis. Além disso, as suas respostas aos estímulos podem ser condicionadas. Numa certa extensão o comportamento humano também pode ser previsível e também pode ser condicionado. No entanto, o Homem tem a capacidade de reagir de maneiras diferentes do que se poderia esperar. Assim a questão é: O que faz com que o Homem seja imprevisível? O que faz dele (Ser Humano) um mistério?

O Nosso Tempo

Conversas comigo mesmo

Conversas comigo mesmo

Quem gosta de converter em texto escrito as suas reflexões sobre a vida, sobre os acontecimentos, sobre as pessoas, sobre o modo enfim como cada um questiona os caminhos do mundo e assim interpela o seu próprio tempo – quem gosta de fazer isso cai muitas vezes na tentação de simplificar. Isto é, de tentar abrir as portas do entendimento com uma única chave: a da economia, a da política, a da filosofia, a da literatura, a das artes em geral, etc. etc.

Para os respectivos fiéis ou praticantes, cada uma destas vias tem valor quase absoluto.

Cismas, Reformas e Divisões na Igreja – XLV

Os Huguenotes

Os Huguenotes

O termo Huguenote(s) surge muitas vezes quando se fala em Reforma ou cisões na Igreja, ou em movimentos religiosos. Trata-se do antigo nome dado aos protestantes franceses (“huguenots”) de doutrina calvinista durante as Guerras da Religião em França, entre 1562 e 1598. A partir do século XVII, os huguenotes seriam denominados frequentemente “Religionnaires”, pois os decretos reais (e outros documentos oficiais) designavam, de forma desdenhosa, o Protestantismo como “pretensa religião reformada”. O termo original francês “huguenot” aparecera pela primeira vez em 1560, em textos da época e na correspondência entre autoridades do poder real, em substituição de “luthérien” (luterano), utilizado até então. A origem do termo permanece incógnita, porém.