Monthly Archives: October 2017

Carlos Lobo, Presidente da Câmara de Comércio de Angola em Macau

Carlos Lobo

«Esperamos que Xi Jinping continue a promover as relações entre a China e Angola».

Presidente da recém-criada Câmara de Comércio de Angola em Macau, Carlos Lobo está optimista quanto ao estreitar das relações comerciais entre a RAEM e o país africano. A’O CLARIM, falou sobre o novo Presidente angolano, a indústria do Jogo e a liderança de Xi Jinping.

Padre Luís Sequeira e a pena de morte segundo o Papa Francisco

A Vida Humana, acima de tudo

A Vida Humana, acima de tudo.

O padre Luís Sequeira disse a’O CLARIM que se revê nas recentes declarações do Papa Francisco sobre a pena de morte, ao concordar que a punição «nunca é uma necessidade absoluta, nada pode justificá-la e deve ser condenada em absoluto».

«No meu entender, e na sua maneira de viver e de falar, o Papa Francisco está a conseguir trazer a fé e a dimensão de Deus para o contexto humano, procurando encarná-la no nosso dia-a-dia, nas nossas preocupações, em vez de permanecermos na fé, como uma realidade apenas doutrinal» frisou o jesuíta, pois tem «a impressão que a Igreja, como tal, perdeu um pouco o contacto com a humanidade».

25º Aniversário do Catecismo da Igreja Católica

Catequistas precisam de mais formação

Catequistas precisam de mais formação.

Os catequistas devem prestar especial atenção aos ensinamentos e aprofundar os seus conhecimentos sobre o Catecismo da Igreja Católica (CIC), porque só assim a formação da fé ganha relevância na vida das pessoas. Esta é uma das conclusões a que chegou a vice-directora da Comissão Diocesana de Formação Catequética, Madalena Chan, ao participar, no Vaticano, na Comemoração Solene do 25º Aniversário da Assinatura da Constituição Apostólica Fidei Depositum e da publicação do Catecismo da Igreja Católica. O evento, realizado no passado dia 11 de Outubro, contou com a participação do Papa Francisco.

Taça do Mundo de GT da FIA no Circuito da Guia

Trio da BMW ambicioso

Trio da BMW ambicioso.

Marco Wittmann (Alemanha), Augusto Farfus (Brasil) e Tom Blomqvist (Grã-Bretanha) são o trio da BMW escalado para disputar a Taça do Mundo de GT da FIA, com ambição de chegar à vitória individual e por equipas.

«Já estive em Macau várias vezes e adoro esta pista. É muito exigente e não permite o menor erro. Com a sua exigente combinação de secções rápidas e muito estreitas, adquire realmente a frequência do pulso de cada piloto», disse Marco Wittmann, campeão do DTM em 2014 e 2016, numa nota de Imprensa da BMW Motorsport enviada a’O CLARIM.

Ser ou não ser Português

Identidade e outras crises

Identidade e outras crises.

Numa das entrevistas que concedeu à Imprensa portuguesa, neste caso no rescaldo da publicação do seu livro “A Exortação aos Crocodilos”, António Lobo Antunes exagerou alarvemente ao declarar que em Portugal «não temos romancistas», que «o Eugénio, o Vasco Graça Moura, o Pedro Tamen são poetas e outros quase todos não», e que todos os «novos prosadores que vou ler… aquilo é tudo tão mau», embora haja uma rapariga «que parece ter muito talento, Ana Teresa Pereira; há um rapaz de que vi o manuscrito, não sei se está publicado, Alexandre Andrade, que me parece muito bom; há uma rapariga, Margarida Vale do Gato, que me parece ter muito talento… Mas de uma forma geral desiludo-me».

Capa 27-10-17

Capa 27-10-17

A Diocese de Macau após a passagem do Hato – V

Escola de São José recupera de K.O.

Escola de São José recupera de K.O.

A Escola de São José, em Ká-Hó, viveu um cenário dantesco com a passagem do tufão Hato. «A cerca, o andaime metálico, os caixilhos e os vidros das janelas ficaram todos destruídos. O terraço ficou seriamente danificado porque havia um andaime de metal aquando da passagem do tufão», disse a’O CLARIM a irmã Maria Chu, directora e supervisora do estabelecimento de ensino.

«Os materiais de ensino e os brinquedos ficaram espalhados por todo o lado. Estava tudo uma grande desordem», referiu a mesma responsável, dando nota que a escola começou a operar normalmente a 4 de Setembro.

António da Silva Rosário

António Sequeira da Silva Rosário

Quase beijava o chão

É bonito quando se encontra alguém com incondicional amor e dedicação a Macau, sem sequer lá ter nascido.

Natural de Miragaia, nas raias da cidade invicta do Porto, António Sequeira da Silva Rosário nasceu em 1951. Conta com uma vida repleta de peripécias, e de dificuldades; uma vida de operário, mas sem grandes queixas.

Em Terras de Santa Maria da Feira

O tal do Europarque

O tal do Europarque

Nasci nas Caldas de São Jorge, uma das freguesias do concelho de Santa Maria da Feira. O tal do Europarque. Dos congressos, exposições, concertos e de uma Cimeira Europeia que aí se realizou num já remoto mês de Junho. A Santa Maria da Feira do certame de cinema luso-brasileiro (entretanto extinto), do festival de música do mundo “Sete Luas e Sete Sóis”, do festival de artistas de rua “Imaginarius” e da famosíssima Feira Medieval. Mas também a Santa Maria da Feira, concelho, onde muitas das pessoas não sabe bem qual a qualidade da água que consomem…

O Nosso Tempo

A natureza e a mão humana

A natureza e a mão humana

Incêndios em Portugal. Mais uma tragédia, esta atrasada. O fatalismo de forças que não compreendemos e por isso não dominamos, ou o sinistro desígnio de mentes doentes e ou criminosas?

Desde o Verão que os ouvíamos e víamos, os canadair, sobrevoando a baixa altitude as nossas casas os ventres bojudos repletos de água, para ser despejada um pouco mais adiante nesses pontos de fumo que vislumbrávamos ao longe.

Filosofia, uma dentada de cada vez (37)

Para Quê?

Para Quê?

Da última vez falámos sobre uma das causas extrínsecas: a causa eficiente. Agora vamos estudar uma outra causa extrínseca que é de sobremaneira necessária para que a causa eficiente actue. Esta causa é chamada de causa final.

A causa final existe para que algo possa ser efectuado. A causa final é a razão pela qual a causa extrínseca funciona, é o objectivo da sua acção. A causa final responde à questão: “Porque é/fez isso?” ou “o que é/foi a intensão de quem o fez?” ou, simplesmente, “para quê?”.

Bengala e o Reino do Dragão – 1

De Cochim a Bengala

De Cochim a Bengala

Pequena e enigmática monarquia budista, o Butão emerge como entidade política e social no início do século XVII, numa altura em que os jesuítas portugueses devassavam faldas, vales e cumes da cadeia dos Himalaias em busca de rotas que os conduzissem ao mítico Cataio onde esperavam encontrar irmãos na fé, tresmalhados da ortodoxia de Roma, é certo, mas possíveis aliados na resistência e luta contra os muçulmanos, eternos rivais e indomável travão ao esforço luso de hegemonia política, religiosa e mercantil na Ásia.

Família e Fé

Compromisso para sempre

Compromisso para sempre

O casamento é sempre um chamamento a uma entrega incondicional ao outro por amor. Para o amor ser genuíno, o desejo de entrega tem de ser para sempre: “na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, todos os dias da nossa vida”.

Por esse motivo, é muito importante a preparação prévia para esse compromisso: o namoro. O que está em jogo é tão grande e afecta tanto a felicidade das pessoas que o namoro nunca pode ser uma simples brincadeira sentimental. Isso seria brincar com o fogo e “ter cá uma fezada de que, no meu caso, ele é capaz de não me queimar”. Néscia ilusão que sempre passou factura!

Cismas, Reformas e Divisões na Igreja – XL

A Reforma Luterana – III

A Reforma Luterana – III

É a maior reforma do mundo cristão. A Reforma Luterana é de facto um momento importante, por mais fracturante ou doloroso, na história do sentimento religioso no mundo. Tudo seria diferente sem ela, como tudo ficou diferente depois. Mas nem tudo foram rosas, nem tudo foi aplicado conforme foi idealizado. A utopia chocou com a realidade, feita de homens e mulheres, de instituições, leis, Estados, poderes, economia, minorias. A bela face da moeda da Reforma tem também uma face não tão dourada. Pelo menos, na época da Reforma, no século XVI, nem tudo foi pura reforma. Mas estava aberta a Caixa de Pandora…

Papa Francisco

«A Igreja necessita de jovens corajosos»

«A Igreja necessita de jovens corajosos»

O Papa Francisco disse que «o mundo e a Igreja necessitam de jovens corajosos» numa mensagem vídeo enviada à juventude do Canadá que participou num encontro de preparação para o próximo Sínodo dos Bispos, em Outubro de 2018.

«O mundo e a Igreja necessitam de jovens corajosos, que não se assustam diante das dificuldades, que enfrentam as provações, mantêm os olhos e o coração bem abertos para a realidade, para que ninguém seja refutado, seja vítima de injustiças, de violências, seja privado da dignidade de pessoa humana», afirmou o Papa.