Daily Archives: March 3, 2017

Portugal nomeia próximo Secretário-Geral Adjunto do Fórum Macau até Agosto

E o óscar vai para...?

E o óscar vai para…?

O próximo secretário-geral adjunto do Fórum Macau, em representação dos Países de Língua Portuguesa, será indicado pelo Governo de Portugal até ao início de Agosto, conforme o estipulado nos estatutos da organização com sede na RAEM.

O assunto terá sido tema de conversa durante a recente deslocação de uma comitiva do Secretariado Permanente do Fórum Macau a Pequim, com o objectivo de apresentar cumprimentos aos embaixadores dos Países de Língua Portuguesa credenciados junto da RPC e entregar documentação relacionada com a próxima reunião ordinária do Fórum Macau, agendada para finais de Março.

Paul Chan Wai Chi, Ex-Deputado e Director do Observatório de Macau

Entrevista

Governo tem medo dos interesses instalados.

Abordar assuntos pouco debatidos na RAEM foi o objectivo do convite ao cardeal D. Joseph Zen para vir ao território falar sobre as relações sino-vaticanas, assume Paul Chan Wai Chi. Em entrevista a’O CLARIM, o antigo deputado sustenta que o Governo não resolve determinados problemas que afectam a população porque tem medo dos interesses instalados. A candidatura à Assembleia Legislativa pela Associação de Novo Macau e a importância da língua portuguesa foram outros dos temas abordados pelo director do Observatório de Macau.

Agente de Rui Águas em Macau a pensar na China

Eduardo Varela Matos

Plataforma também para o futebol.

O intermediário registado na Federação Portuguesa de Futebol e agente do treinador português Rui Águas, Eduardo Varela Matos, encontra-se em Macau onde tem encetado contactos com vista à colocação do ex-técnico de Cabo Verde num clube da China continental, sem descurar a hipótese do também ex-jogador do Sport Lisboa e Benfica e do Futebol Clube do Porto orientar a Selecção da RPC.

Eduardo Matos preferiu vir primeiro a Macau, sendo esta uma oportunidade para fazer a ponte para o interior da China.

Vasco Teles da Gama, descendente de Vasco da Gama

Vasco Teles da Gama

A diáspora é o maior trunfo de Portugal.

Décimo sétimo neto de Vasco da Gama, Vasco Teles da Gama, antiquário de profissão, não tem papas na língua. Para ele a descendência só pode ser directa. «Nós não somos descendentes colaterais do nosso padrasto». O orgulho sente-o, embora mais como um fardo do que como um privilégio. Descender de uma figura histórica como essa, no seu entender, «é um enorme peso sobre os ombros, pois há o dever de honrar e respeitar o nome que herdamos».

Fernando Santos Ferreira

Fernando Santos Ferreira

Macaense desenrascado.

Nascido em 1958, estudou em Macau até ao 11º ano, tendo depois viajado para Portugal com a intenção de ingressar no Ensino Superior. No entanto, as voltas da vida nem sempre apontaram para onde queria. «Na altura ingressávamos directamente no Ensino Superior, e assim pensava que iria acontecer comigo…», explicou Fernando Santos Ferreira.

Capa 03-03-17

Capa 03-03-17

Macau lidera comitiva ao Brasil e Portugal

Ambiente na agenda política

Ambiente na agenda política

Uma comitiva de cinquenta membros, liderada pelo presidente do IPIM, Jackson Chang, inicia no próximo Domingo uma visita ao Brasil e a Portugal de intercâmbio sobre protecção ambiental.

Segundo um comunicado oficial, ontem divulgado, a visita, organizada pelo Governo de Macau e que decorre até dia 12, tem lugar no âmbito das negociações comerciais, principalmente nas áreas de investigação e intercâmbio sobre protecção ambiental e gestão de águas marítimas.

Comissão Diocesana da Liturgia

COMISSÃO DIOCESANA DA LITURGIA

Fiéis portugueses com mais apoio

O director da Comissão Diocesana da Liturgia, padre Albert Ho, disse a’O CLARIM que o órgão que lidera está atento às necessidades dos fiéis, inclusivamente da comunidade portuguesa.

«Temos certas formas e canais para recolher opiniões. Em primeiro lugar, a Comissão instituiu os sacerdotes conselheiros, tais como o padre João Evangelista Lau, o padre Lau Chit Meng, o padre Tadeu Tang Si Yan, etc. Actualmente, esperamos que o comité prepare a agenda para se aconselhar com eles antes de qualquer reunião», referiu o padre Ho.

Coro da “Oratory School” actua na Sé Catedral

CORO DA “ORATORY SCHOOL” ACTUA NA SÉ CATEDRAL

D. João IV e outras músicas

O coro católico da “Oratory School”, de Oxfordshire (Inglaterra), vai actuar na Sé Catedral no dia 26 de Março, durante a missa em Português, com início às 11 horas.

Fazem parte do reportório, especialmente concebido para a missa na Sé, composições em Inglês de Matthew Martin, Stephen Borrows, director de música da “Oratory School”, e Heinrich Shultz, sendo em Latim as peças atribuídas ao Rei D. João IV de Portugal e a Cristobal de Morales.

Olhando em Redor

O “banco” da Fundação Macau... e do Governo

O “banco” da Fundação Macau… e do Governo

“A Fundação Macau, cuja gestão dos elevados fundos é frequentemente questionada, tem uma reserva de mais de 29 mil milhões de patacas, disse o presidente do conselho de administração da Fundação Macau (FM), Wu Zhiliang, em entrevista à agência Lusa”, li num diário português, na passada segunda-feira.

“Até agora, todo o dinheiro que temos é de 29,2 mil milhões de patacas, valor mais de 16 vezes superior ao inicial, ou seja, de 2001, afirmou [Wu Zhiliang], tornando público o valor da reserva reportado aos Serviços de Finanças”, acrescentava a notícia.

A Etnia Cigana em Portugal

A ETNIA CIGANA EM PORTUGAL

Da exclusão à desconfiança

Nas páginas do jornal virtual “Patrin”, especializado em questões de cultura e história dos ciganos, o nome de Portugal não aparece uma única vez. Nem na secção dos Costumes e Tradições nem na da Cultura e Artes, tão pouco nos variados artigos que nos lembram as vítimas esquecidas de um outro holocausto: o holocausto dos rom, manouche, sinti ou calon – diferentes ramos de um mesmo povo originário do subcontinente indiano que palmilhou mundo como forma de rejeição do sistema de castas e do violento avanço do Islão.

Mais Jogo

Legend Palace

Croupiers do hotel-casino Legend Palace recebem os primeiros apostadores na noite da inauguração do mais recente empreendimento do grupo Macau Legend Development, realizada no passado dia 27 de Fevereiro. A área do jogo contempla 66 mesas e o hotel 223 quartos e suites.

Filosofia, uma dentada de cada vez (5)

Um leitor perguntou-nos: E qual é o melhor caminho?

Um leitor perguntou-nos: E qual é o melhor caminho?

Um jovem local, estudante do liceu, que afirmou não professar nenhuma religião, mas que tem seguido esta série de artigos, enviou-nos uma pergunta pertinente, e eu gostaria de responder antes de continuarmos.

Perguntou, referindo-se às três formas pelas quais adquirimos conhecimento (o uso dos sentidos, o uso do raciocínio, o uso da informação fornecida por terceiros), qual delas deverá uma pessoa utilizar para provar a existência de Deus?

O Nosso Tempo

Terras de exclusão, terras de abrigo

Terras de exclusão, terras de abrigo

O Canadá é um vizinho diferente relativamente à nova América que Donald Trump “inaugurou”, essa novíssima pátria americana, de exclusão e não de asilo, como tem sido sua tradição há mais de dois séculos.

E pergunto-me porquê. Qual a razão desta atitude tão distinta perante os refugiados, quando ambos os países são afinal produto sociológico e cultural da mesma gente, pessoas “vindas de fora”, todas em busca de uma vida digna, em porto seguro?

Cismas, Reformas e Divisões na Igreja – VIII

As heresias e divisões no século V

As heresias e divisões no século V

Temos neste espaço reflectido sobre as heresias dos primeiros séculos do Cristianismo. As divisões geradas, os cismas dilacerantes, as fracturas e controvérsias. O Ocidente, como o Oriente, viveram estes acontecimentos de forma quase dramática, dada a importância do fenómeno religioso nesses tempos. Nem sempre ultrapassados, antes radicalizados, todos estas querelas ajudaram a fortalecer a fé de uma Igreja que se impunha cada vez mais. O Papa Gregório I, já vimos, foi um dos que mais lutou. Mas no seu tempo, nos séculos V e VI, na transição para a Idade Média, que heresias e controvérsias subsistiam, ou surgiram?