Diocese de Hong Kong retira-se do movimento “Occupy Central” em nome da estabilidade

Lei, Ordem e Progresso A Diocese de Hong Kong demarcou-se do movimento “Occupy Central”. Depois de incentivar o diálogo entre os manifestantes e o Governo de C.Y. Leung, acabou por pedir o Ler Mais

Padre Artur Wardega sobre a expulsão dos Jesuítas em Macau no século XVIII

«Na China conseguiram sobreviver» A missão da Companhia de Jesus foi restaurada há duzentos anos, após proibição iniciada em Portugal que se estendeu a outras latitudes. Este será o tema de um Ler Mais

Papa lembra cristãos perseguidos

Fidelidade a Cristo paga com a vida Na festa da Exaltação da Cruz o Papa dirigiu o pensamento aos «muitos irmãos e irmãs nossos que são perseguidos e assassinados por causa da Ler Mais

“Revolução Guarda-Chuva”: perigo de contágio na RAEM

Advogados desvalorizam O presidente da Associação dos Advogados de Macau (AAM), Jorge Neto Valente, disse na passada quarta-feira a’O CLARIM que Macau não corre o risco de ser confrontada com manifestações da Ler Mais

André Couto I

O início André Couto nasceu em Portugal a 14 de Dezembro de 1976. Quando os pais vieram para Macau, na época sob administração portuguesa, tinha quatro anos de idade e acompanhou-os na Ler Mais

 

Diocese de Hong Kong retira-se do movimento “Occupy Central” em nome da estabilidade

DIOCESE DE HONG KONG RETIRA-SE DO MOVIMENTO “OCCUPY CENTRAL” EM NOME DA ESTABILIDADE

Lei, Ordem e Progresso

A Diocese de Hong Kong demarcou-se do movimento “Occupy Central”. Depois de incentivar o diálogo entre os manifestantes e o Governo de C.Y. Leung, acabou por pedir o fim das acções de protesto. Perante a intransigência demonstrada por ambas as partes e os prejuízos acumulados, prevaleceu a defesa da Lei. Pois só com Ordem haverá Progresso.

A Diocese de Hong Kong tem vindo a apelar ao diálogo entre os manifestantes e as autoridades, com vista ao fim do bloqueio imposto pelo movimento “Occupy Central”, acção precursora da “Revolução Guarda-Chuva”.

Padre Artur Wardega sobre a expulsão dos Jesuítas em Macau no século XVIII

PADRE ARTUR WARDEGA SOBRE A EXPULSÃO DOS JESUÍTAS EM MACAU NO SÉCULO XVIII

«Na China conseguiram sobreviver»

A missão da Companhia de Jesus foi restaurada há duzentos anos, após proibição iniciada em Portugal que se estendeu a outras latitudes. Este será o tema de um simpósio internacional a ter lugar em Macau, entre os dias 28 e 30 de Outubro. A’O CLARIM, o presidente do Instituto Ricci de Macau, padre Artur Wardega, referiu que ainda hoje se sente os efeitos da expulsão dos jesuítas no território, salientando que durante a proibição conseguiram de alguma forma sobreviver no interior da China.

Papa lembra cristãos perseguidos

PAPA LEMBRA CRISTÃOS PERSEGUIDOS Fidelidade a Cristo paga com a vida

Fidelidade a Cristo paga com a vida

Na festa da Exaltação da Cruz o Papa dirigiu o pensamento aos «muitos irmãos e irmãs nossos que são perseguidos e assassinados por causa da sua fidelidade a Cristo», convidando à oração os numerosos fiéis que participaram no angelus de 14 de Setembro na Praça de São Pedro.

“Amados irmãos e irmãs, bom dia!

A 14 de Setembro a Igreja celebra a festa da Exaltação da Santa Cruz. Talvez alguma pessoa não cristã nos pergunte: porque ‘exaltar’ a cruz?

“Revolução Guarda-Chuva”: perigo de contágio na RAEM

“REVOLUÇÃO GUARDA-CHUVA”: PERIGO DE CONTÁGIO NA RAEM

Advogados desvalorizam

O presidente da Associação dos Advogados de Macau (AAM), Jorge Neto Valente, disse na passada quarta-feira a’O CLARIM que Macau não corre o risco de ser confrontada com manifestações da magnitude de Hong Kong.

«Nem nada que se pareça! Nem com aquela dimensão», referiu o presidente da AAM, à margem da Abertura do Ano Judiciário de 2014/2015. «Estou convencido que há gente que está por detrás a alimentar aquilo. Não é só a genuinidade das pessoas, porque ali não há aquilo do “somos todos iguais”. Os movimentos de massas não são assim, nem na Revolução Cultural, nem em lado nenhum», salientou a propósito da desobediência civil que ao longo das últimas semanas tem paralisado várias artérias da antiga colónia britânica.

André Couto I

ANDRÉ COUTO I O início

O início

André Couto nasceu em Portugal a 14 de Dezembro de 1976. Quando os pais vieram para Macau, na época sob administração portuguesa, tinha quatro anos de idade e acompanhou-os na mudança para o Oriente.

Em Macau o pequeno André excitava-se ao ouvir o som poderoso das máquinas que aceleravam no Circuito da Guia, ano após ano. Na altura, o Grande Prémio de Macau, ainda bastante amador e artesanal, não apresentava grandes obstáculos a que uma criança deambulasse pelo “paddock” e se misturasse com pilotos e mecânicos.

World Press Photo 2014

WORLD PRESS PHOTO 2014

No meio dos destroços provocados por mais um tufão devastador, mulheres filipinas guardam o que têm de mais sagrado: a Fé. Levam nos braços imagens de Cristo – Jesus Menino e carregando a Cruz. O momento capta o Calvário de um povo na Via Sacra da vida, rumo a um porto seguro onde a fúria da Mãe-Natureza não consiga penetrar.

Pe. Manuel da Fonseca Moreira

PE. MANUEL DA FONSECA MOREIRA

Faleceu antigo director d’O CLARIM

O padre Manuel da Fonseca Moreira, director d’O CLARIM entre 1983 e 1985 e antigo pároco da igreja de São Lourenço, faleceu no passado Domingo (12 de Outubro), em Fátima, aos 88 anos de idade. Nascido em Santa Eufémia (Concelho de Leiria) a 20 de Outubro de 1925, o padre Moreira entrou em 1939 para o Seminário de Leiria, transitando posteriormente para o Seminário de Macau, onde terminou o curso de Filosofia-Teologia e foi ordenado presbítero. Foi sepultado na sua terra natal.

Caminhos do Brasil

CAMINHOS DO BRASIL Monges construtores

Monges construtores

Garantido o alojamento (prioridade das prioridades) apanho o autocarro para a Praça de Mauá, pois dizem-me que o Mosteiro de São Bento se situa nessa área. Apesar dos dois quilómetros de distância apenas, passo uma hora e meia num infernal pára arranca – um caos total! Ainda bem que não optei pelo táxi.

O primeiro transeunte que abordo na Rua Sacadura Cabral, onde existem pensões baratas mas pouco recomendáveis, aponta na direcção de um arranha-céus com janelas de vidro. «– É para ali». Mas… como pode ser? Um mosteiro dentro de um prédio? Imaginem o meu espanto que pensava ter de subir um morro…

Capa 17-10-14

O poder de escolher inteligentemente

Como a verdade nos pode libertar

Como a verdade nos pode libertar

O bispo de Xangai, D. Fan Zhong Liang, faleceu a 16 de Março de 2014. D. Fan esteve muitos anos preso, mas o arcebispo D. Savio Hon Tai Fai, secretário da Congregação para a Evangelização, do Vaticano, escreveu o seguinte: «A liberdade exterior do bispo Fan foi sempre restringida, mas não a sua liberdade interior».

É sobre essa liberdade interior de que iremos falar hoje…

Clube Serra

CLUBE SERRA Corpos Sociais tomaram posse

Corpos Sociais tomaram posse

Os corpos sociais do Clube Serra para o exercício 2014-2015 tomaram posse no passado dia 12 de Outubro, na igreja de Nossa Senhora do Carmo (Taipa). A cerimónia foi antecedida de missa de Acção de Graças. Foi admitido um novo sócio, Yu Kin Fong, e entregue uma lembrança a Pedro Ao Wah Nien, como agradecimento por serviços prestados em 2013.

Os Sínodos na Igreja

OS SÍNODOS NA IGREJA Caminhar juntos

Caminhar juntos

Muito se tem falado nos últimos dias no Sínodo dos Bispos, este ano centrado no tema “Família”. De facto, está neste momento reunida, no Vaticano, a 3ª Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, convocada pelo Papa Francisco, a qual se iniciou a 5 e terminará o seu trabalho a 19 de Outubro de 2014, sob o tema “Os desafios pastorais sobre a família no contexto da evangelização”.

Mata-Birus da Indonésia

MATA-BIRUS DA INDONÉSIA O sultanato da mulher-almirante

O sultanato da mulher-almirante

Habitada desde o Mesolítico, a província do Achém é fértil em achados arqueológicos similares aos de Toquim, a norte de Hanói, o que permite que se estabeleçam paralelos entre os nativos de ambas as regiões, embora tudo o que se conhece da sua história antes do século XVI continue envolto em lendas. Os anais da corte do imperador han Wang Mang referem, por exemplo, uma missão enviada a Hwang Che, o mítico “reino de Ouro”, outrora citado pelo grego Ptolemeu, para comprar um rinoceronte destinado aos jardins imperiais.

Organização das Nações Unidas

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS Vaticano defende migrantes

Vaticano defende migrantes

O representante permanente da Santa Sé nas Nações Unidas defendeu, em Genebra, a urgência de acompanhar os crescentes fluxos migratórios com medidas que ajudem a proteger os migrantes e as suas famílias.

Num encontro internacional dedicado a esta matéria, na sede na ONU, D. Silvano M. Tomasi recordou que «através do seu trabalho, dos impostos que pagam, dos novos negócios que criam e da variedade de serviços que providenciam», estas pessoas «dão um contributo económico e social positivo nos países de acolhimento».

Cartoon 17-10-14